Nesta quinta e sexta-feira (21 e 22), ocorreu reunião do Diretório Político do Partido dos Trabalhadores (PT) [VIDEO]. No evento, os seus membros procuram discutir sobre diversos assuntos relacionados à economia, política e quais os rumos que o partido e seus integrantes deverão seguir a partir do encontro.

Ao final da reunião, emitiram comunicado informando qual a nova resolução política aprovada. Muitos dos assuntos abordados certamente servirão para discussão nos próximos dias.

Um dos temas mais marcantes refere-se à política de governo existente em um dos países vizinhos do Brasil, a Venezuela. Palco de inúmeros protestos e ações que estão deixando o mundo preocupado, o presidente Nicolás Maduro recebeu o apoio do PT.

A crise no país começa a tomar proporções ainda não vistas anteriormente.

Parte da população do país começa a migrar para regiões do Norte do Brasil. Um dos locais para o qual os imigrantes estão se deslocando é a cidade de Pacaraima, em Roraima. Comerciantes que insistem em permanecer cruzam a fronteira e buscam adquirir produtos no Brasil.

O atual governo da Venezuela vem sofrendo duras críticas. A mais recente deu-se no encontro da Organização das Nações Unidas (ONU), na terça-feira (19). Donaldo Trump, atual presidente dos Estados Unidos, criticou a forma como Nicolás Maduro vem governando o país. “Não podemos esperar e assistir. Como um vizinho responsável e amigo, meu objetivo é reconquistar a liberdade, recuperar o país e reestabelecer a democracia. Agradeço aos países que condenaram o regime e apoiam os venezuelanos”, afirmou.

Os melhores vídeos do dia

Ao final do discurso, foi aplaudido pela maioria dos líderes que se faziam presentes.

Apesar deste cenário, o PT acredita que se deve fazer valer a Assembleia Constituinte realizada no país vizinho em 18 de agosto. Na reunião ocorrida para se discuti-la, apenas dois membros da oposição de Nicolás Maduro participaram do processo, sendo um dos itens que mais chamou a atenção o fato de sua esposa e filho participarem como membros.

A Assembleia Constituinte tem amplos poderes para que possa emitir leis, ao contrário do que ocorria anteriormente, em que o Congresso era imbuído dessa função.

O comunicado do PT ainda trata de outros assuntos que não são menos importantes, tais quais homossexualidade e todas as suas vertentes, corrupção cometida por membros do PT, Congresso Nacional etc. O texto é finalizado citando a caravana feita pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Lula [VIDEO] pelo Nordeste e os títulos que recebeu ao longo do percurso.