O deputado e pastor Marco Feliciano (PSC-SP) postou um vídeo, na tarde desta terça-feira (17), mostrando um presente enviado pela Rede Globo de Televisão ao seu gabinete, em Brasília. Iniciou falando que passou pelos plenários, comissões e plenário grande, onde estava acontecendo sessões de debates naquele momento.

Quando citou que a Comissão de Constituição e Justiça e Cidadania (CCJC) estava trabalhando, não deixou passar em branco falando brevemente da sua saída como suplente. No início de outubro, o líder do PSC, deputado e professor Victório Galli, o substituiu pelo deputado mineiro do PSDB Bonifácio de Andrada, quando enviou um ofício ao presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), comunicando a saída de Feliciano.

‘Presentinho com laço azul’

Depois de narrar brevemente sua passagem pelos plenários e sua saída da CCJC, disse que chegou em seu gabinete e ficou surpreso com o presente enviado pelo Grupo Globo. O deputado mostrou uma sacola branca com um laço azul que ainda nem abrira e mandou um recadinho para a emissora de televisão.

“Olha quem mandou? Grupo Globo. (risos) A Rede Globo de Televisão. Vou abri-lo daqui a pouco. Agradeço a lembrancinha, mas não abro mão dos meus princípios. Não abro mão da família. Não abro mão dos pensamentos conservadores. Não abro mão das verdades que tenho dito todos os dias porque a nossa família e os nossos filhos merecem respeito”, disse o deputado.

Tal recado deve-se a batalha travada com a emissora global, já que ela expõe cenas de sexo e nudez durante suas telenovelas, além de defender claramente o movimento LGBT.

Já o deputado e pastor defende os valores morais e os bons costumes da família, que recebe o apoio das igrejas evangélicas e também dos Católicos.

Os casos mais recentes são as exposições de artes abordando temas como o sexo com animal, com crianças e homossexual, feita pelo Banco Santander [VIDEO] em Porto Alegre (RS), além do caso de uma criança, onde a mãe a incentivou a tocar em um homem nu durante uma exposição em São Paulo [VIDEO].

Feliciano encerrou o vídeo pedindo oração por Brasília por causas das denúncias que estão sendo apuradas. Disse que o mundo ao redor do Brasil para os seus investimentos no país. O dólar sobe. Os produtos ficam mais caros. As empresas não vendem, o que, consequentemente, aumenta o desemprego, gerando a pobreza e violência. Pediu que todos tenham equilíbrio neste momento de crise.

Ele deixou muitos internautas curiosos quando anunciou que logo vai divulgar o nome de uma empresa que pretende influenciar as famílias negativamente. “Daqui a pouco tem um vídeo novo por aí. Tem uma outra empresa querendo tocar em nossas famílias”, disse o deputado. Ele reforçou dizendo que não abre mão dos seus princípios. Assista ao vídeo: