Lula vem passando por uma série de processos e acusações oriundas de propinas de grandes empreiteiras como OAS e Odebrecht mas segundo o Instituto Datafolha o líder nacional do Partido dos Trabalhadores continua sendo querido pela grande maioria dos brasileiros, o Datafolha apontou que Luiz Inácio Lula da Silva lidera a corrida presidencial que acontecerá em 2018.

A pesquisa foi divulgada neste último sábado (30) pelo jornal 'Folha de São Paulo' que ouviu 2772 pessoas entre os dias 27 e 28 de setembro, a margem de erro da pesquisa pode ser de 2 pontos para mais ou para menos, e já que ainda não se pode precisar quem serão os políticos que concorrerão ao cargo máximo do legislativo brasileiro, o Datafolha fez a pesquisa em diferentes cenários.

Quem serão os candidatos em 2018?

Alguns candidatos já estão praticamente certos para a candidatura a presidência em 2018 como é o caso da senadora Marina Silva (Rede Sustentabilidade) e o deputado federal Jair Messias Bolsonaro (PSC), contudo outros nomes são uma incógnita como o caso do ex-presidente Lula (PT), que já demonstrou interesse em concorrer ao cargo que já ocupou por dois mandatos, mas devido ao processo que vem respondendo na Lava Jato pode ter sua candidatura cassada e a outra dúvida na corrida presidencial do ano que vem é quem será o representante do PSDB, já que os Tucanos ainda não se decidiram entre o governador Geraldo Alckimin ou o prefeito João Doria, ambos de São Paulo.

Lula vence 1º turno contra qualquer candidato

De acordo com o instituto Datafolha, Luiz Inácio [VIDEO] tem, pelo menos, 35% das intenções de voto entre todos os cenários testados pela pesquisa.

Os potenciais adversários do petista ficam na segunda colocação com 16% e 17% como no caso de Jair Bolsonaro e da ex-senadora Marina Silva.

Fato curioso da pesquisa é que tanto o Doria quanto Alckimin não iriam para o segundo turno, mostrando que o PSDB vem perdendo força no Brasil.

No cenário sem Lula o destaque é o deputado Jair Bolsonaro e Marina Silva

Já que a candidatura de Lula poderá ficar inelegível, se houver uma condenação em segunda instância, no processo que responde no Tribunal Regional Federal, pelo recebimento de um tríplex, no Guarujá. O cenário sem o ex-presidente Lula é totalmente favorável a Jair Bolsonaro [VIDEO] e Marina Silva que lideram as intenções de votos praticamente empatados com 20% dos votos no 1º turno.

Marina Silva já se candidatou a presidência em 2014 e acabou ficando em terceiro lugar, já Bolsonaro nunca se candidatou a presidência e tem tudo para logo na sua primeira participação chegar ao 2º turno.

Lembre-se de deixar o seu comentário. Sua opinião é muito importante para a nossa equipe e sempre ajuda no diálogo.