Após a divulgação de carta aberta feita pelos procuradores [VIDEO] a sociedade, na qual está dizendo que a vitória da “Operação Lava Jato” sobre a corrupção está cada dia mais próximo de acontecer, o senador Renan Calheiros (PMDB-AL) se manifestou contra a atitude dos procuradores.

O senador Calheiros usou as redes sociais para criticar a atitude dos procuradores, dizendo que os procuradores demonstraram objetivos políticos em seu discurso sobre as investigações da Lava Jato.

Segundo Renan Calheiros, a afirmação feita pelos procuradores em que eles disseram que a batalha final será em 2018, deixa claro que as investigações estão voltadas para a esfera política, pois ano que vem será o ano em que as eleições irão acontecer.

Para o senador as investigações da Lava Jato estão sendo baseadas em delações encomendadas e fazendo acusações sem provas seguindo com objetivos pré-determinados e que por conta disto os processos então sendo arquivados.

O procurador Deltan Dallagnol se manifestou contra as declarações do senador Renan Calheiros com uma dura resposta. Dallagnol disse que o senador acabou interpretando errado as declarações feitas pelos procuradores quando disseram que a vitória da Lava Jato será em 2018. .

Para o procurador não tem por que ficar com medo se não deve nada para a justiça. Deltan Dallagnol disse que a Lava Jato vencerá porque infelizmente as lideranças políticas são incapazes de fazer uma reforma política a favor do combate à corrupção no país e que os políticos precisam perder o foro privilegiado [VIDEO] para que eles possam se responsabilizar pelos seus atos criminosos e pagar por eles como manda a justiça e também para que os políticos investigados parem de ameaçar a Lava Jato.

Para um político se manifestar contra as declarações feita pelos procuradores provavelmente está com medo de ser descoberto de algo que cometeu e está debaixo dos panos.

Planos para acabar a corrupção no Brasil

Segundo os procuradores, a solução para combater a corrupção sistêmica que está instalada em nosso país é os eleitores saberem em qual político votar, pois será o voto de cada cidadão que decidirá o futuro do nosso país.

Os procuradores divulgaram uma carta aberta para a sociedade sugerindo que a sociedade vote em políticos que não tem a sua ficha suja, pois só desta forma para acontecer uma reforma política em nosso país.

Alguns deputados e senadores não gostaram da ideia apresentada pelos procuradores e alegam que os procuradores estão com objetivos políticos, mas a sociedade que também acredita no método tem apoiado a os procuradores.

Outra estratégia apresentada para acabar a corrupção no Brasil foi a de lançarem candidatos que atuam na Polícia Federal, mas ainda não foram lançados os candidatos.