A chefe do Ministério Público Federal (MPF) Raquel Dodge, encaminhou três denúncias contra a maior emissora de televisão brasileira, a Rede Globo. [VIDEO] As acusações partiram de partidos políticos que enfatizam que a emissora pagou propina para conseguir benefícios na transmissão dos jogos da Copa do Mundo, Libertadores e Copa Sul-Americana. Dodge encaminhou as denúncias para o Ministério Público Federal do Rio de Janeiro e a decisão de ser aberto as investigações caberá ao estado.

Partidos políticos como o PT, PDT e PSOL fizeram um pacote de medidas para complicar a vida da emissora. A reação aconteceu após investigações de americanos, em Nova York, enfatizarem Crimes de emissoras mundiais como a Televisa e a Globo.

O delator Alejandro Burzaco foi quem admitiu que as emissoras teriam pagado propinas equivalentes a 15 milhões de euros para conseguirem prioridades.

O Ministério Público do Rio já foi procurado para dar um parecer sobre a denúncia, que poderá colocar a emissora em situação delicada. Segundo a assessoria de comunicação, a denúncia está no setor jurídico e a partir daí será encaminhada para um procurador. Só assim, o procurador irá dar seu parecer, se tomará frente à denúncia ou não.

Podem ser descobertos mais crimes

Em uma justificativa, os partidos políticos avaliaram que crimes de Corrupção privada não ficam há encargo do governo, porém como o caso se trata de interesse público, a Globo [VIDEO] deverá ser julgada. Além do mais, os partidos acreditam que esta investigação seria só o início para outras falcatruas da emissora virem à tona, como por exemplo, crimes de sonegação de impostos e lavagem de dinheiro.

De acordo com a Lei, uma emissora que detém de direitos de transmissão esportivos deverá investir em produções nacionais com produtoras independentes. Desta forma, a Globo poderia se prejudicar com uma isenção fiscal cedida baseada em uma fraude.

Outro órgão além da Procuradoria Geral da República que foi acionado foi o CADE (Conselho Administrativo de Defesa Econômica), o pedido é para que a emissora seja investigada por possível crime de ordem econômica, a justificativa é que a Globo prejudicou emissoras concorrentes com a ação.

Os partidos políticos não param por aí, eles também entraram com um pedido para ao Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicação para cassar a concessão da transmissão dos jogos cedida do governo federal para a Rede Globo.