Um dos assuntos mais discutidos na política brasileira é a eleição que está chegando no ano de 2018. O ano de 2017 ainda nem terminou, mas as discussões são muitas sobre quem irá se candidatar, quem não poderá se candidatar, quem é o menos pior...

As Eleições presidenciais irão acontecer no ano que vem e alguns nomes já estão aparecendo na mídia há mais de um ano, como o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), Marina Silva (Rede Sustentável), que normalmente se candidata à presidência e um novo nome surge na corrida presidencial, o deputado federal Jair bolsonaro (Patriotas-RJ).

O deputado está longe de ser novo na política brasileira, já que exerce o papel de deputado na Câmara desde 1991, e anteriormente como vereador em 1989, contando assim com 28 anos na política brasileira, mas será a primeira vez na disputa à presidência da república.

Jair Bolsonaro é conhecido principalmente pelas polêmicas que se envolve, normalmente quando diz respeito a grupos de apoio à esquerda do país, como o movimento LGBT ou movimentos feministas. O pré-candidato é da direita conservadora, algo que segundo o mesmo está voltando a ser uma possibilidade para o Brasil, mas que há alguns anos atrás a expressão "de direita" era quase um palavrão a população.

Uma forte característica do deputado é sua ligação com as forças armadas brasileiras, sendo ele um militar da reserva. E recentemente em uma entrevista ao jornal Folha de S. Paulo, Bolsonaro afirma que se um dia chegar à presidência pretende botar militares em pelo menos metade da composição dos ministérios, irá colocar "gente igual a ele", pelas suas próprias palavras.

Bolsonaro está crescendo cada vez mais nas pesquisas de intenção de voto para 2018, tendo obtido 9% na DataFolha, mas muitas vezes liderando o ranking em pesquisas feitas em mídias independentes, em um cenário onde o ex-presidente Lula não possa se candidatar.

Vai ficar por fora de assuntos como este?
Clique no botão abaixo para se manter atualizado sobre as notícias que você não pode perder, assim que elas acontecem.
Jair Bolsonaro Eleições

O presidenciável acredita que seu bom desempenho nas pesquisas populares é sua postura em relação a segurança do país, um assunto que tem preocupado a maior parte da população. Um discurso comum do conservador é que "se deve combater violência com violência", defendendo o porte de arma para os cidadãos e também a redução da maioridade penal de 18 anos para 16. É natural a população procurar por um candidato mais firme tendo em vista a situação que nosso país se encontra, principalmente em grandes metrópoles como Rio de Janeiro e São Paulo, onde os índices de crimes estão apenas crescendo.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo