Para ter mais naturalidade na fala gravada e nos discursos ao público, o presidente brasileiro Michel Temer [VIDEO] vai intensificar o uso do teleprompter, ou TP, que é o aparelho que vai acoplado à câmera e que apresenta em tempo real um texto a ser lido. Esse mecanismo é muito utilizado nas redações e nos estúdios de notíciarios de televisão.

Segundo informações dadas pelo governo e publicadas no jornal Folha de S.Paulo, os dois TPs que o Palácio do Planalto tem nesse momento são insuficientes. Por isso a recomendação para a compra de mais dois equipamentos, que resultará em um investimento de aproximadamente 20 mil reais.

No TP, as frases vão deslizado pela tela sob comando de alguém que está operando a máquina. Ela só aparece para quem está lendo, isto é, atrás da câmera, e não é vista pelo público de casa, por exemplo. De acordo com assessores próximos à presidência, Michel Temer gosta da ferramenta e está adaptado a ela.

Temer entrará daqui a duas semanas no seu último ano de governo. Depois de assumir oficialmente em agosto de 2016 com a destituição de Dilma Rousseff, por meio de um impeachment, ele entrega o mandato em janeiro de 2019. O peemedebista não tentará a reeleição na votação de 2018.