Nesta segunda-feira (04) foi divulgado pelo Ministério Público Federal no Paraná que seriam devolvidos 600 milhões de reais à Petrobras. A Procuradoria afirmou que essa foi a maior quantia devolvida por investigação criminal de toda a história do país. O valor foi devolvido esta quinta-feira (07), num evento que ocorreu em Curitiba, lugar originário e base central da operação Lava Jato, que contou com a presença do atual presidente da empresa estatal, Pedro Parente.

No total já foram devolvidos 1,476 bilhão de reais, que foram desviados da estatal petrolífera nos esquemas de propina que foram desvendados na Operação Lava Jato, pela Polícia Federal e pelo Ministério Público do Paraná.

Esses valores foram recuperados por meio de delações premiadas acordadas entre os Promotores e os acusados, sendo eles pessoas físicas e pessoas jurídicas.

A estatal é vista pela Operação Lava Jato como vítima de tamanha Corrupção e a presidência da empresa já afirmou que continuará adotando medidas jurídicas contra as companhias e contra políticos e ex-funcionários que causaram todo tipo de degradação da imagem da empresa e também prejuízos financeiros obviamente.

Visão da população quanto a Operação Lava Jato

A população brasileira, de um modo geral, apoia a Operação Lava Jato, apesar da maioria não ter esperanças de melhoria para a política do país. Mas há uma parcela que duvida da legitimidade da Operação, afirmando que alguns dos maiores participantes do esquema ainda estão à solta e longe de investigações.

Há quem acredite numa perseguição ao ex-presidente Lula [VIDEO], que está sofrendo acusações na operação, já que o mesmo afirma tal perseguição, tendo inclusive feito um discurso contra a Lava Jato no velório da própria esposa, afirmando que sua morte foi devido ao estresse que a Operação lhe causou. Logo, como a maioria das coisas que envolvem política, há diversas opiniões e diferentes pontos de vista.

Recentemente foi produzido um filme baseado na Operação, que tem como um dos personagens o juiz Sergio Moro [VIDEO], nomeado "Polícia Federal - A lei é para todos", que ajuda a popularizar e levar ao conhecimento da população a Operação.

Eficácia da Operação Lava Jato

Não é apenas com dinheiro devolvido que a Operação está tendo sucesso, já que o principal objetivo é caçar e prender os principais líderes dos esquemas de corrupção do Brasil. A operação já conta com 3 anos de duração e 38 fases, e nesse tempo a Polícia Federal teve a eficácia de prender no total 198 corruptos, entre eles políticos, presidentes de empresas, lobistas, entre outros.