O deputado federal mais votado da história do Brasil com mais de 1 milhão de votos, Tiririca (PR-SP) subiu pela primeira e última vez na tribuna da Câmara dos Deputados [VIDEO] nesta quarta-feira (06) para dizer que se sente extremamente decepcionado e chateado com a Política brasileira. Em seu segundo mandato na Câmara, Tiririca disse diante de uma pequena plateia de ouvintes que não irá tentar se reeleger e que abandonará a carreira pública no final de 2018.

Dizendo em alto e bom som que está decepcionado e envergonhado com a política brasileira, o ex-palhaço de circo disse que os políticos brasileiros deveriam deixar de lado o ego e trabalhar mais para o povo.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Política

Apesar do discurso, que aparentemente soou como uma despedida, Tiririca afirmou que continuará deputado federal e cumprirá o seu mandato até 2018, no entanto, após esse período, abandonará de vez a política.

"Subo nesta tribuna pela primeira vez e pela última vez, não por morte, [mas] porque estou abandonando a vida pública", afirmou logo ao subir na tribuna.

Tiririca disse que fez o que é pago para fazer

Durante seu exaltado discurso, ele afirmou sentir orgulho de ser o deputado mais assíduo do Congresso Nacional e que nesses sete anos à frente de seu mandato, admitiu não ter feito muita coisa devido “à mecânica louca do Congresso”, mas que pelo menos, fez o que é pago para fazer, participou das votações e sempre votou de acordo com a vontade do povo. Alegando sofrer de muito preconceito entre os deputados por seu nível de escolaridade e profissão, Tiririca disse ser “humilde e do povo”.

Para reforçar sua denúncia de preconceito, ele disse que houve uma discussão e que quase chegou às vias de fato com um parlamentar, que queria agredi-lo nesta semana.

E que após o ocorrido, levantou a ficha desse parlamentar e constatou que o mesmo possuía vários processos de corrupção e de lavagem de dinheiro público.

Mordomias dos parlamentares

Tiririca criticou a mordomia dos parlamentares [VIDEO]brasileiros. Para ele, todos são muito bens pagos para fazer muito pouco pelo povo brasileiro. Ele não generalizou, disse que muitos políticos são sérios e tentam fazer um bom trabalho, mas que ainda é muito aquém do que o povo realmente necessita.

“Aqui dá para tirar livre uns R$ 23 mil”, afirmou.

Sobre andar nos aeroportos, ele disse que não tem nenhuma vergonha, mas que muitos dos seus colegas de parlamento não podem dizer o mesmo, porque sentem vergonha e medo das pessoas.

Assista na íntegra, o discurso do deputado Tiririca nesta quarta-feira, clicando no vídeo abaixo.