Parece que toda a instabilidade política atual no Brasil custará caro para os políticos que estão no poder atualmente. Após a votação da reforma trabalhista e a orquestração do presidente interino, Michel Temer, para a votação da reforma previdenciária, os brasileiros não confiam nos políticos que eles elegeram em 2014 [VIDEO]. Vai ser difícil para os atuais deputados federais e senadores se reelegerem, uma vez que o nome de vários deles estão envolvidos com investigações sobre repasses ilícitos e corrupção.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Jair Bolsonaro

Várias notícias deram conta do acórdão que aconteceu no congresso nacional para que Dilma Rousseff sofresse impeachment [VIDEO], organizado pelo preso Eduardo Cunha (PMDB).

Desde então o Brasil vive uma instabilidade econômica e política, causando insatisfação em milhões de brasileiros que não suportam mais ver malas de dinheiro serem encontradas em casas de políticos, como aconteceu com o ministro preso Geddel Vieira (PMDB) que teve R$ 51 milhões apreendidos em um apartamento. Todo esse sentimento de corrupção gerou uma insatisfação geral na população brasileira, que massacrou os políticos atuais em uma pesquisa recente.

Políticos brasileiros nunca foram tão rejeitados pela população como está acontecendo agora

Nunca em toda a história da política no Brasil os deputados federais e senadores foram tão odiados pelo povo brasileiro. O índice de rejeição dos políticos atingiu números históricos, e nunca um resultado tão expressivo aconteceu na pesquisa desde que começou a ser medida a popularidades dos congressistas, em 1993.

Organizada pelo DataFolha, a maioria dos brasileiros que responderam a pesquisa consideram a atuação dos políticos atualmente como ruim ou péssimo.

Vai ser difícil para os atuais políticos disputarem a reeleição depois do desgaste político que estão vivendo

Isso deve ser levado em consideração por aqueles que visam se reeleger em 2018, disputando uma vaga de deputado federal ou senador. Muitos políticos encontrarão problemas para conseguir uma reeleição, e parece que essa luta será bem difícil no ano que vem, mesmo com a mudança de nome em alguns partidos. Uma renovação na Câmara poderá acontecer, mudando o cenário completamente de instabilidade política atual.

Pesquisa mostra que a maioria dos brasileiros reprovam a atuação dos deputados e senadores

A pesquisa entrevistou 2.765 brasileiros em diversas cidades na última semana, nos dias 29 e 30 de novembro. Seis a cada dez brasileiros consideram a atuação dos políticos como ruim ou péssima atualmente, e isso é o resultado de tantos direitos perdidos pelo povo brasileiro. Somente 5% dos entrevistados na pesquisa continuam aprovando o trabalho dos políticos. O índice baixo de aprovação é semelhante ao gosto amargo da impopularidade que o presidente interino Michel Temer possui desde que assumiu a presidência, oscilando entre 5 e 7% de aprovação entre os brasileiros.