Michel Temer está novamente sendo acompanhado por vários especialistas, sendo esse o segundo dia seguido em que o atual Presidente da República vai ter que se submeter a vários exames médicos. Tal como informa o site O Globo, o Presidente Michel Temer fará exames urológicos hoje, dia 12 de dezembro, no Palácio do Planalto. O principal objetivo seria tentar perceber até que ponto o mais velho Presidente da história da democracia brasileira teria a necessidade de viajar novamente para São Paulo, onde poderia ficar novamente internado por causa do seu problema grave com a obstrução urológica.

Estado de saúde de Temer preocupa

Segundo várias informações avançadas pelos órgãos de comunicação social, apesar de toda a preocupação e da prevenção que está sendo feita por causa desse problema, além do que já existia no coração, Michel Temer, nesse momento, não está mais tendo dores, sendo necessário ser acompanhado para que algo de ruim possa ser muito rapidamente combatido.

Duas cirurgias em um mês

Vale a pena recordar que, em um espaço de pouco mais de um mês, o experiente político teve que ser submetido a duas cirurgias diferentes, sendo que a mais grave foi com certeza colocação de três stents. Antes da cirurgia, ele tinha mais de 90% de obstrução em três artérias coronárias, como garante o site da “Globo”. A mesma publicação informa que hoje, dia 12 de dezembro, o Presidente da República vai ter um dia de folga, pelo que será esse o momento ideal para verificar se está finalmente tudo bem com o estado de Saúde de Michel Temer [VIDEO].

Quem ganha as eleições?

Nas redes sociais, vários internautas, sobretudo aqueles que foram contra o “impeachment” de Dilma Rousseff, garantem que Michel Temer está provando que já não tem capacidades físicas mínimas para poder continuar exercendo o cargo político mais importante da democracia nacional.

Nessas muitas mensagens, as pessoas parecem estar agora mais ansiosas do que nunca para que as eleições presidenciais do próximo ano possam se realizar o mais rapidamente possível. Segundo as últimas pesquisas, Lula da Silva ainda estaria na liderança para conseguir novamente se tornar Presidente, sendo que a popularidade [VIDEO]crescente do sempre polêmico político de direita Bolsonaro pode ser a grande ameaça para o petista nos próximos meses. O que acha que vai acontecer até às eleições? Pensa que Michel Temer tem condições para continuar no cargo que está por muito mais tempo? Deixe sua opinião embaixo.