O juiz federal Sérgio Moro é o responsável pelos julgamentos da operação Lava Jato, em Curitiba, no Paraná, por isso que o mesmo sempre está sendo muito procurado pelos veículos de imprensa para que exponha sua opinião sobre diversos problemas do país.

Após o início dos julgamentos das investigações, Sérgio Moro e sua família não tiveram mais paz e se tornaram pessoas públicas, tendo então que andar de veículos blindados e rodeados de seguranças. Contudo, a população que está ao lado de Moro afirma que o magistrado doou sua vida para que a Justiça fosse feita.

Rosângela Wolff Moro é a esposa do juiz federal e desde que seu marido começou a ser atacado nas redes sociais por pessoas contrárias aos julgamentos da operação Lava Jato, ela decidiu se manifestar no Facebook e reagir, criando então uma página em apoio ao seu marido, que se chamava "Eu MORO com ele", fazendo referência ao nome do juiz com o verbo 'morar'.

Suposto deslize de Rosângela

A esposa do juiz federal é também formada em direito e exerce a função de advogada, tendo conhecido o seu marido durante aulas na faculdade, onde Sérgio Moro era seu professor de direito civil. Logo durante os ensinamentos, a aluna se apaixonou pelo professor e ambos começaram uma linda história de amor, até que construíram, juntos, uma bela família.

Acontece que o ano de 2017 chegou ao fim e, como sempre, em uma data especial, Rosângela Moro posou em uma foto, ao lado de seu marido, para deixar uma mensagem de paz para a população brasileira, dentre as suas palavras, a advogada citou para que a população brasileira se afastasse dos candidatos que fossem réus, em 2018.

O trecho de sua fala acabou causando uma grande polêmica e Paulo Pimenta, novo líder da bancada do PT na Câmara dos Deputados, acusou Rosângela de ter executado um ato de fascismo, por ter feito o réu já parecer um condenado, e isso faz boa parte da população acusar moralmente aqueles que ainda não foram julgados.

Vai rolar processo?

Por enquanto, a acusação foi feita somente via Twitter oficial do político e não se sabe ainda se vai rolar um processo judicial contra a fala da advogada, pois isso pode ser um crime leitoral executado pela esposa de Moro [VIDEO].

Por outro lado, boa parte da população está ao lado de Rosângela e concorda que os candidatos que nunca foram nem investigados são aqueles que mantêm relação zero com os crimes de corrupção e os autores destes atos ilegítimos [VIDEO].