Michel Temer [VIDEO] anunciou pela primeira vez, na manhã deste sábado (17), no Rio de Janeiro, a criação do Ministério da Segurança Pública. A informação foi oficializada após uma reunião com autoridades para discutir a intervenção federal no estado do Rio de Janeiro. [VIDEO]

Essa nova pasta ministerial já vinha sendo discutida internamente há algum tempo como forma de tentar auxiliar no combate à violência pelo País. Essa foi a primeira vez que Michel Temer externalizou a vontade de criar o ministério. Apesar de já ter confirmado que irá criá-lo, nenhum nome ainda foi especulado para tomar posse da pasta.

Ao conversar com a imprensa após a reunião, Michel Temer se limitou a dizer que o novo Ministério da Segurança Pública será responsável por liderar e comandar as ações de segurança no País, mas sem invadir o espaço dos estados.

Segundo o Planalto, a oficialização e criação do Ministério da Segurança Pública deve ser feita nas próximas semanas.

Quando assumiu o cargo após o impeachment da presidente Dilma Rousseff, Michel Temer afirmou que uma de suas pretensões era diminuir o número de ministérios. Após algumas tentativas, Temer já chegou até a voltar atrás quando disse que ia acabar com o Ministério da Cultura. Agora, resolveu criar mais um.