As dúvidas que restam sobre uma possível candidatura do presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia [VIDEO] (DEM-RJ), à Presidência da República devem acabar ainda esta semana. O DEM [VIDEO] irá lançar sua pré-candidatura oficial na convenção nacional do partido, na quinta-feira (8).

Os primeiros passos de Maia como pré-candidato será participar de eventos pelo País. O presidente da Câmara irá viajar por diversas regiões do Brasil em busca de apoio. Outra estratégia é angariar a filiação ao Democratas de deputados federais que queiram mudar de partido.

A pré-candidatura à Presidência da República ainda está em uma situação embrionária.

Maia surge com apenas 1% das intenções de voto nas pesquisas. Seu objetivo é trabalhar nos próximos meses, até maio, para chegar até 7%. O próprio deputado já falou a aliados, segundo a Folha de S. Paulo, que só irá disputar o Planalto se achar que pode vencer. Caso desista do pleito presidencial, tem como objetivo a reeleição para Presidência da Câmara dos Deputados.

Pautar o debate

Uma das vantagens que Maia tem em relação a outros pré-candidatos é que sua posição como presidente da Câmara lhe permite pautar o debate e quais projetos serão votados. O deputado foi aconselhado a focar na área de segurança pública, economia e propostas sociais. Esse deveria ser o foco de seu discurso.