Quem não leu ou ouviu falar da condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT-SP)? Há muita comoção na internet quanto a condenação do líder petista, o que vem criando várias discussões dentro das redes sociais.

Quem é contra o ex-presidente cobra da Polícia Federal o cumprimento da sentença do TRF-4 [VIDEO] (Tribunal Regional Federal da 4º Região), que condenou Lula a 12 anos e um mês de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro no processo que envolve o tríplex do Guarujá (SP). Quem é a favor do ex-presidente afirma que ele vem sendo perseguido politicamente.

A questão que preocupa a Polícia federal é quem apoia o petista, o que lança uma dúvida se não haverá uma grande comoção quanto a imagem que se criou em volta do ex-presidente.

Isso faz com que essas pessoas queiram defender Lula a todo custo e poderá haver alguns conflitos, o que a PF quer evitar.

Por causa desse medo de gerar comoção, a Polícia Federal [VIDEO] vem armando um esquema para a prisão do ex-presidente. Segundo a revista Veja, esse receio vem causando muita preocupação. A Polícia Federal já teve uma amostra dessa comoção quando, em 2016, levou Lula ao pavilhão de autoridades do Aeroporto de Congonhas, em São Paulo, para prestar depoimento coercitivamente. Várias pessoas, entre políticos e gente do povo, fizeram manifestações a favor do líder petista.

O esquema de prisão envolverá 350 agentes e receberá apoio da PM (Polícia Militar) e esquema aéreo (helicópteros). Ainda segundo a reportagem, o ex-presidente Lula [VIDEO]não será algemado e terá cinco possíveis locais para cumprir a sentença.

O petista ainda insiste em lutar até o fim contra a prisão e diz não desistir da sua absolvição.

Ainda existe o julgamento de um recurso da defesa junto a sentença do TRF-4, que acontece no dia 23 de março próximo, mas que não alterará a sentença. Após esse julgamento, se tudo ocorrer bem, dentro de certa normalidade, a prisão de Lula deve acontecer. Segundo a reportagem da revista Veja, a operação tem o nome de “Dia D da Lava Jato”.

A Polícia Federal tem a viva convicção e sabe da biografia forte que Lula tem ao longo de sua carreira política. Assim, quer evitar os erros que foram cometidos nas ações que foram feitas no passado.

O esquema de prisão também é para não fortalecer o discurso do ex-presidente que diz ser uma perseguição de uma caçada judicial e perseguição política. Foi feito um acordo para que não se faça uso de algema e nem de camburão.

A PF está esperando que a detenção de Lula ocorrera em sua residência em São Bernardo do Campo, no ABC paulista. Isso pode ser a confirmação de vários especialistas que disseram que a prisão do Lula era uma questão de tempo. Alguns arriscaram a afirmar três meses.