O apresentador Fausto Silva é um dos nomes mais conhecidos da televisão no Brasil. Ele ficou conhecido por ter opiniões fortes, falando a respeito dos mais diversos assuntos do país. Considerado o principal apresentador da Rede Globo de Televisão, o salário do famoso seria de R$ 5 milhões mensais. [VIDEO]Um mês de Faustão daria para dar uma bela aposentadoria para cada um de nós. Neste domingo (1), o comunicador fez graves críticas à intervenção militar que acontece no Rio de Janeiro e atacou não apenas os militares, como também os governantes, que apoiaram a medida.

Faustão surpreende e critica política de intervenção militar nas terras cariocas

O comunicador é do tipo que fala aquilo que pensa.

Ele tem opiniões políticas realmente bem fortes. Faustão tem usado o seu programa como um verdadeiro palco de discussão em um ano que promete ser polêmico, graças às eleições presidenciais. Recentemente, o presidente Michel Temer (PMDB) aprovou a medida de intervenção militar no Rio de Janeiro. A medida era para tentar frear a criminalidade, mas na prática as Forças Armadas não estão conseguindo reverter um quadro que se instala há anos. Faustão não teve medo dos políticos e fez graves críticas a tudo isso, indicando que o investimento deveria ser mesmo na educação.

Fausto Silva ataca intervenção militar e diz que não muda nada

Tudo começou quando ele quis saber de Bárbara Paz, que estava participando do quadro Ding Dong, como anda o projeto da atriz de fazer um documentário na Rocinha. O comunicador então fez críticas aos políticos, citando o próprio caso da Rocinha.

Ele lembrou que a região tem mais de 200 mil habitantes, mas mesmo assim é abandonada. Faustão lembrou também dos altos impostos pagos no Brasil e no pouco retorno disso aos brasileiros.

Ele disse que a intervenção militar não funcionaria como um passe de mágica e que as Forças Armadas não conseguiriam reverter um quadro, que, segundo o comunicador, seria de trinta anos de desgraça. Para Faustão, a presença dos militares nas ruas não muda em nada.

Público apoia revolta de Faustão diante de passividade dos políticos

O discurso político do comunicador teve grande repercussão. "Meu Deus, poucas vezes na minha vida concordei tanto com o Faustão do que agora", disse um dos internautas. "Se um dia Fausto desistir da televisão, bem que ele ele pode investir na carreira política. Pelo menos pensa menos besteira do que a maioria desses caras que se dizem salvadores da pátria", analisou um dos internautas.