A última sexta-feira (6) foi marcada pelo encerramento da janela de transferência de parlamentares que estão no exercício do mandato antes das eleições de outubro desse ano. Um dos partidos com o maior número de investigados, o Partido Progressista (PP), se tornou a segunda maior legenda da Câmara dos Deputados [VIDEO], ultrapassando o MDB [VIDEO] e PSDB. O Partido dos Trabalhadores (PT) continua sendo a maior bancada da Casa Legislativa. Porém, desde a posse, o PT já perdeu 12 deputados.

Em fevereiro de 2015, quando houve a posse, o PP conseguiu eleger 38 deputados. Faltando seis meses para a eleição, agora conta com 54 parlamentares.

O PT começou esses quatro anos de mandato com a maior bancada, 69 integrantes Após os diversos problemas que teve que enfrentar, inclusive o impeachment de Dilma, viu sua bancada diminuir para 57 deputados. Apesar disso, segue com a maior entre todos.

O MDB perdeu 14 deputados apenas nesse último mês de janela de transferência, porém, recebeu oito. Em 2015, eram 65 deputados. Após assumir o Planalto e os inúmeros escândalos envolvendo nomes importantes do partido, inclusive Michel Temer, a bancada do partido fechou com 53 parlamentares.

Já o PSDB caiu de 54 para 46 parlamentares, em pouco mais de três anos de mandato.