A história que compreende a concretização da maior operação de combate a crimes relacionados à corrupção já implementada no Brasil e uma das maiores desencadeadas em todo o planeta, "salta aos olhos" de todos em face ao alcance de toda a operação e do volume de dinheiro público desviado que se encontra ainda em mãos criminosas ou que já se destina ao ressarcimento dos cofres do país.

Vale ressaltar que trata-se da Operação Lava Jato, que ramificou-se por todo o Brasil e atingiu a todas as esferas do poder público nacional, através de um trabalho árduo e consistente desenvolvido pela força-tarefa conduzida em primeira instância pelo juiz federal Sérgio Moro.

Publicidade
Publicidade

O magistrado paranaense é o magistrado titular da décima terceira Vara Criminal da Justiça Federal paranaense, cuja sede em primeiro grau está localizada em Curitiba, capital do estado do Paraná. Entretanto, acaba de vir à tona uma nova revelação relacionada ao papel e a importância da Operação Lava Jato não somente para o Brasil, mas também para o mundo. Porém, um dos maiores "entraves" para que o Poder Judiciário, de fato, consiga atender às expectativas da sociedade civil organizada e a população brasileira como um todo, depende de que se diminua a leniência percebida pela mais alta instância da Justiça; o Supremo Tribunal Federal (STF).

Publicidade

Novos dados estarrecem o planeta

A Operação Lava Jato, que possui entre seus grandes expoentes, os juízes federais Sérgio Moro e Marcelo Bretas, apresentavam um novo dado que atestam a relevância de toda a necessidade da implementação da operação de combate à corrupção. São dados reveladores que denotam que a Lava Jato se fará presente em aproximadamente um quarto de todo o planeta, alcançando, dessa forma, um nível global.

Trata-se de inúmeros pedidos de cooperação de caráter internacional, de modo que já se fez mobilizar 55 países e territórios autônomos espalhados por todo o planeta.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Lava Jato

Os dados impressionantes dão conta de que um quarto do mundo globalizado já foi atingido pelo maior escândalo de corrupção do Brasil que é investigado pela força-tarefa da Lava Jato.

Os dados apresentados pela força-tarefa da Lava Jato denotam que a cada três dias, uma solicitação de cooperação é feita, desde meados do mês de março de 2014, quando pela primeira vez, a Operação Lava Jato, sediada em Curitiba, saiu às ruas do país, o que se totaliza 570 solicitações de cooperação mundial.

Entretanto, com o início de um dos "braços" da investigação no Rio de Janeiro; a "Operação Câmbio, desligo", que se originou no propósito de se apurar uma rede de doleiros que teriam cometido desvios bilionários de dinheiro, por meio de operações financeiras fraudulentas e fictícias, cujas cifras que se dispõem são estimadas em uma movimentação ilegal de mais de US$ 1,6 bilhão, através de três mil empresas offshores que estão localizadas em 53 países.

Publicidade

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo