As pessoas opinam nas redes sociais sobre temas diversos, principalmente de maior relevância. Mas quando pessoas públicas, que possuem autoridade como Rachel Sheherazade, criticam negativamente movimentos como a greve dos caminhoneiros, a reação da população não é nada boa.

Recentemente, ela publicou um vídeo no Youtube onde afirmou que a greve está provocando problemas como ter o “direito de ir e vir cassado”, “aeroportos sitiados” entre tantas outras críticas.

Publicidade
Publicidade

Isto causou uma enorme reação negativa e muitas críticas por parte dos internautas, uma vez que ela era vista como grande defensora dos direitos populares.

A primeira pergunta que ela fez: “O que querem os caminhoneiros com essa greve absurda?” e logo depois afirmou “Parar o Brasil”, e continuou “dizem eles em alto e bom tom”. Afirmou que estão plantando o caos e perguntou se querem a falência do país.

Este foi o começo do seu vídeo no Youtube com duração de pouco mais de 4 minutos.

Apesar de ter concordado com que os impostos oneram os combustíveis, ela afirmou em contrapartida, que este preço obedece à variação internacional de preços.

Ela concorda que o preço cobrado pelos combustíveis pesa no orçamento pra todos, mas questiona se vale a pena correr o risco de perder a estabilidade por causa deste movimento.

Após várias afirmações contrárias à greve e deixando bem claro seu ponto de vista, Rachel Sheherazade conclui que este movimento é oportunista e pergunta a quem isto interessa.

Publicidade

Depois ironiza dizendo que movimentos como este após quebrarem o Brasil, surge o salvador da pátria. E este (salvador da pátria) irá “nos redimir de todos os malogros, de toda a desgraça” e entre tantas outras ironias ditas por ela.

Foi criticada

No final ela conclui “o que andam chamando por aí, de greve, eu acuso de oportunismo”. Rachel Sheherazade compartilhou a publicação em seu perfil do Instagram e os internautas rejeitaram amplamente seus comentários.

Alguns internautas deixaram seus comentários no perfil dela no Instagram. A grande maioria destes comentários fazem críticas severas à posição da jornalista com relação à greve, mostrando claramente que os seus comentários não foram bem recebidos.

Provavelmente, o que mais provocou esta reação negativa por parte dos internautas, foi o fato de que Rachel Sheherazade foi uma ferrenha defensora dos trabalhadores e da população em geral e agora ficou contra a greve dos caminhoneiros.

Publicidade

Leia tudo