Em novo levantamento feito pelo Instituto Datafolha sobre a corrida eleitoral para o Governo do Estado de São Paulo, João Doria voltou a aparecer na frente na preferência do eleitorado. De acordo com a pesquisa, o ex-prefeito da capital aparece com 25% das intenções de voto, contra 20% do presidente licenciado da Fiesp, Paulo Skaf (MDB), o que faz os principais concorrente voltarem a ter depois de algum tempo diferença superior à margem de erro, que é de dois pontos percentuais para mais e para menos.

Muito distante dos protagonistas da campanha, com apenas 4% dos votos, aparecem o atual governador Márcio França (PSB) e o petista Luiz Marinho. Major Costa e Silva (DC) e Professora Lisete (PSOL) foram citados por 2% dos entrevistados

Um fato que chama a atenção é que o número de eleitores que responderam que pretendem votar em branco ou nulo é de 26%, ou seja, percentual mais alto que o primeiro colocado na pesquisa. Já os que estão indecisos totalizam 11%.

Com relação à rejeição por parte do eleitorado, Dória também é o primeiro colocado, com 32% dos entrevistados afirmando que não votariam no candidato do PSDB de jeito nenhum.

Já 21% rejeitam Skaf, enquanto que 19% não votariam em Marinho. O atual governador tem 15% de rejeição.

Foram ouvidos 2.018 eleitores de 50 cidades do estado, entre os dias 20 e 21 de agosto. O nível de confiança da pesquisa é de 95%.

Ibope tinha apontado Skaf na frente

Na pesquisa feita pelo Ibope no começo de agosto, o candidato do MDB havia parecido pela primeira vez à frente, com 22% dos votos contra 21% do tucano, o que, baseado na margem de erro, caracterizava empate técnico.

Em um cenário de segundo turno levantado pelo Ibope na ocasião, Skaf venceria Dória por 36 a 32%. O candidato do MDB ainda levaria a melhor sobre Marinho e França.

Senado

O Datafolha também questionou o eleitor sobre quem seria seu candidato ao senado federal. Eduardo Suplicy segue liderando com folga a disputa pelas duas vagas ao Senado, segundo o Datafolha, com 32% das intenções de voto, quase o dobro de Mario Covas Neto (Podemos), que aparece em segundo lugar com 18%.

Já o candidato do PSL, Major Olímpio (PSL), aparece com 13% das intenções de votos. Cidinha Campos, do MBD, é a quarta colocada com 7% das intenções de votos, enquanto que Mara Gabrilli, do PSDB, aparece em quinto com 6%.

Este foi o primeiro levantamento após a oficialização do nome dos candidatos, lembrando que nesta eleição cada eleitor poderá votar em dois candidatos.

Siga a página Governo
Seguir
Siga a página Eleições
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!