Um verdadeiro ato de terrorismo ocorreu na tarde desta quinta-feira (06) na cidade de Juiz de Fora, situada na zona da mata de Minas Gerais. O candidato à presidência Jair Bolsonaro [VIDEO] (PSL) foi esfaqueado enquanto participava de um ato público. Enquanto Bolsonaro era levado por representantes partidários nos ombros, um homem aproximou-se e esfaqueou o candidato à presidência no tórax.

O ato de violência ocorreu na rua Halfeld, centro de Juiz de Fora. Logo após ser esfaqueado, Bolsonaro começou a gritar e levou as mãos ao peito, rapidamente apoiadores do candidato o levaram para à Santa Casa.

Facada foi logo acima do abdômen de Bolsonaro

Informações preliminares divulgadas em reportagem do jornal Folha de São Paulo afirmaram que a perfuração ocorreu na altura do abdômen.

No hospital, Bolsonaro passou por um ultrasson e rapidamente foi encaminhado para o centro cirúrgico. Até o momento, informações indicam que o estado de saúde é estável, no entanto, as informações precisas serão divulgadas somente no boletim médico.

Suspeito foi detido e levado à delegacia

O homem que esfaqueou Bolsonaro foi identificado e já foi levado para à delegacia da Polícia Federal de Juiz de Fora. O nome do criminoso é Adélio Bispo de Oliveira, ele tem 40 anos e é morador da cidade de Montes Claros, que fica situada na região norte do estado de Minas Gerais. A Policia Federal informou que irá abrir um inquérito policial para apurar os motivos que levaram o homem a cometer o esfaqueamento.

Repercussão

Através do Twitter o filho de Bolsonaro, Flávio, disse que o pai está bem e que “levou uma estocada” e afirmou que o ferimento foi apenas superficial.

“Graças a Deus, ele passa bem. Peço que intensifiquem as orações por nós”, escreveu.

O presidente nacional do PSL, Gustavo Bebianno afirmou a reportagem do jornal Folha de São Paulo [VIDEO]que agora virou “guerra” ao se referir ao esfaqueamento de Bolsonaro.

Major Olímpio (PSL) responsável pela segurança de Jair Bolsonaro defendeu o esquema de segurança que estava no local no momento do atentado e disse que todos os procedimentos de segurança foram adotados no momento do atentado.

“Agimos com cautela em todos os eventos que Bolsonaro participa. A Polícia Federal também disponibiliza segurança para ele o tempo todo”.

Bolsonaro está em primeiro lugar nas pesquisas de intenções de voto, na última pesquisa divulgada nesta quarta-feira (05), o candidato do PSL aparece com 22% das intenções de voto.

Assista na íntegra, o exato momento do esfaqueamento de Bolsonaro ocorrido na tarde dessa quinta-feira (06).