Jair Bolsonaro se tornou um dos assuntos mais comentados do país nos últimos meses, desde que confirmou sua candidatura a presidente da República.

O candidato, que aos 63 anos de idade exerce seu sétimo mandato como deputado federal eleito pelo Rio de Janeiro e segue em alta na mídia e demasiadamente visado por pessoas contra e a favor de seus ideias políticos, enfrentou recentemente um dos momentos mais tensos e delicados de sua vida.

Acostumado a participar de movimentos abertos e ser sempre bem recepcionado e visto por onde passa, na tarde do último dia 06 de setembro, durante uma caminhada pelas ruas de Juiz de Fora, em Minas Gerais, o candidato do PSL a presidência da República, foi surpreendido com uma facada na região do abdome.

Sentindo a dor da facada imediatamente após o ato, Bolsonaro deixou o local de ambulância e foi prontamente atendido pelos paramédicos que cobriam o evento.

Precisando se submeter a cirurgias emergenciais, o estado de saúde do candidato do PSL preocupou muita gente, que passou a clamar por menos violência e liberdade de expressão.

Bolsonaro demonstra melhora significativa e é filmado andando pelos corredores do hospital

Jair Bolsonaro, que se encontra internado no Hospital Israelita Albert Einstein após ser atacado com uma arma branca enquanto fazia campanha em Juiz de Fora, segue apresentando melhoras em seu quadro clínico.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Jair Bolsonaro Eleições

Reagindo bem ao tratamento, o deputado federal deixou a UTI e foi transferido para uma ala de cuidados semi-intensivos do hospital. Visivelmente melhor e dotado de bom-humor, o afiliado do PSL apareceu sorridente e andando em um vídeo. Demonstrando estar se recuperando muito bem, o candidato à presidência ainda aproveitou o momento para brincar com um de seus médicos e mandou o seguinte recado: "daqui a alguns dias a gente estará cavalgando".

Boletim médico de Jair Bolsonaro tranquiliza eleitores

Instalado em uma ala de cuidados semi-intensivos, o último boletim médico emitido na manha deste domingo (16), afirma que o candidato "segue com boa evolução clínica, sem quadros de febre e com seus exames laboratoriais estáveis, recebendo nutrição por via parenteral (endovenosa) exclusiva, medidas de prevenção de trombose venosa e fisioterapia respiratória e motora".

Ainda sem expectativa de alta, o candidato a presidente da República segue sob os cuidados da equipe médica do Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo