Nesta terça-feira (18), o Ibope divulgou mais uma pesquisa de intenção de voto. Essa é a mais recente até o momento. 2.506 eleitores foram ouvidos entre domingo (16) e terça-feira. Tirando a margem de erro de dois pontos, a pesquisa Ibope é 95% confiável. Os resultados apontaram Jair Bolsonaro (PSL) disparado na frente, com 28% das intenções de voto. Fernando Haddad, que foi colocado para representar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, tem 19% e representa o Partido dos Trabalhadores.

Ciro Gomes, do PDT, aparece com seus 11% das intenções de voto. Geraldo Alckmin mantém seus 7% das intenções e Marina Silva vem logo atrás com 6%.

Os demais candidatos aparecem lá embaixo, todos abaixo dos 2%. Álvaro Dias e João Amoêdo, por exemplo, aparecem com 2%. Henrique Meirelles também empata com 2%. Com 1% aparece Cabo Daciolo. Com 0% aparece Guilherme Boulos, Vera Lúcia (PSTU), João Goulart e Eymael.

No entanto, o número de brancos e nulos surpreende: 14%. E, para finalizar, 7% dos que responderam sinalizaram que não sabem ou não quiseram falar em qual candidato votar.

Comparação com outros levantamentos

Na comparação com o último levantamento feito, a oscilação nas intenções de votos foi grande. Após o episódio em que Lula nomeia Fernando Haddad para disputar a presidência da República, os votos que antes iam para Lula (que era líder nas pesquisas), acabam indo para Fernando Haddad.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Jair Bolsonaro Governo

O candidato Jair Bolsonaro subiu dois pontos. Ele estava com 26% das intenções de voto e agora tem 28%. Fernando Haddad teve um salto, saindo de 8% e indo para 19%. Ciro se manteve nos seus 11%. Alckmin caiu 2 pontos percentuais e Marina perdeu 3 pontos, caindo para 6%. Já o número dos indecisos caiu: De 19% foi para 14%.

No entanto, uma outra pesquisa também foi divulgada. Ela apresenta os índices de rejeição.

Na pesquisa, foi perguntado "em qual candidato o senhor (a) não votaria de jeito nenhum". A pesquisa também poderia escolher mais de um candidato. Os resultados chegam a ultrapassar os 100%.

Bolsonaro lidera com 42% das intenções de não ser votado. Haddad aparece com 29% e Marina Silva é a terceira, com 26%. Depois aparece Alckmin com 20%. Ciro tem 19% e Henrique Meirelles, 12%. Eymael possui 11% e Cado Daciolo também.

Guilherme Boulos aparece com 10% das intenções de rejeição. Álvaro Dias tem 10%, Vera mantém 9%, Amoêdo 9% e João Goulart Filho com 8%. Os que responderam que poderiam votar em todos soma 2%. Os que não souberam, 9%.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo