Os 333 autores do grupo formado por artistas, empresários, advogados, empresários, economistas e ativistas publicaram na tarde deste domingo (23), num site do próprio movimento “Democracia Sim”, um manifesto denominado “Pela democracia, pelo Brasil”, que trata exclusivamente sobre a possibilidade do deputado Jair Bolsonaro, que é candidato à Presidência da República pelo (PSL) nessas Eleições de 2018, ser considerado um risco negativo para o país.

Entre as assinaturas de apoio ao manifesto estão importantes nomes como o renomado médico Drauzio Varella, as atrizes Dira Paes, Letícia Colin e Camila Pitanga [VIDEO], o cantor Caetano Veloso, a acionista do Itaú Unibanco Maria Alice Setúbal e o advogado e professor da Fundação Getúlio Vargas (FVG) Carlos Vilhena, entre muitas outras personalidades.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Jair Bolsonaro

No documento, que foi concluído nesta última quinta-feira (20) e publicado posteriormente no site, existe somente um trecho onde o nome do deputado é citado explicitamente. “É preciso dizer, mais que uma escolha política, a candidatura de Jair Bolsonaro representa uma ameaça franca ao nosso patrimônio civilizatório primordial.

É preciso recusar sua normalização, e somar forças na defesa da liberdade, da tolerância e do destino coletivo entre nós”.

O manifesto ainda cita nomes de “pretensos heróis da pátria”, como Jânio Quadros e Fernando Collor de Melo que, segundo os autores, acabaram levando o nosso país ao desastre, e ainda completaram dizendo terem sido testemunhas também de atos políticos autoritários em âmbito internacional.

Manifestações contra e a favor de Jair Bolsonaro dentro e fora da internet

Também ocorrem muitas manifestações a favor e contra Jair Bolsonaro [VIDEO] através das redes sociais, onde são debatidos diariamente e de forma bastante intensa os prós e contras sobre as propostas que o candidato propõe caso seja eleito.

Bolsonaro também é alvo de muitas manifestações contrárias a ele fora da internet como, por exemplo, a manifestação “Mulheres contra Bolsonaro” [VIDEO] que está prevista para mobilização em todo o país no próximo dia 29 de setembro, com promessas de palavras de ordem como #EleNão e #EleNunca.

Fora da internet também muitas manifestações apoiando Bolsonaro, como a que aconteceu neste último domingo (23), na Times Square, em Nova York, uma das cidades mais populosas do mundo, localizada no Estados Unidos. A manifestação teve cerca de 30 apoiadores ao candidato à Presidência da República pelo (PSL).