Após ser submetido a uma cirurgia de emergência na noite quarta-feira (12), o candidato à presidência da República Jair Bolsonaro passa bem. A cirurgia foi realizada para desobstruir o intestino e durou cerca de duas horas, segundo boletim médico divulgado pelo hospital Albert Einsten. O procedimento foi bem-sucedido.

Cirurgia

De acordo com o hospital em que Jair Bolsonaro segue internado, o candidato teve uma "distensão abdominal progressiva e náuseas". Ele passou por uma tomografia no abdômen, onde foi confirmada uma obstrução no intestino delgado em decorrência de uma fístula que se formou devido a uma inflamação. Na cirurgia, foram liberados os pontos de obstrução e também foi corrigido um extravasamento de secreção intestinal em uma das suturas feitas na cirurgia anterior para reparo dos ferimentos intestinais.

Um procedimento de limpeza abdominal também foi realizado. Os cirurgiões cuidaram de todos os locais de possíveis obstruções para minimizar as chances de novas complicações. De acordo com o boletim médico divulgado nesta quinta-feira, este tipo de complicação é frequente em casos como o de Bolsonaro.

Carlos Bolsonaro [VIDEO], um dos filhos do candidato à sucessão de Michel Temer, fez um post sobre a cirurgia realizada agradecendo o trabalho dos médicos, enfermeiras, fisioterapeutas e técnicos de enfermagem. O mesmo também disse que o pai é forte como um cavalo.

O candidato Jair Bolsonaro voltou a se alimentar por meio de sonda parenteral desde a quarta-feira. Após restabelecido o trânsito gástrico, a dieta será liberada novamente. Futuramente o candidato será submetido a uma nova cirurgia de grande porte para retirada da bolsa de colostomia e reconstrução do transito intestinal.

Esta cirurgia tem previsão para ser realizada dentro de dois meses; até lá Jair Bolsonaro segue com a bolsa de colostomia ligada à barriga.

História

O candidato Jair Bolsonaro sofreu um golpe de faca [VIDEO] na última quinta-feira (6) enquanto estava em Juiz de Fora em um ato de campanha. Após sofrer danos no intestino delgado e grosso em decorrência da facada, o mesmo necessitou passar por uma cirurgia de emergência e foi encaminhado no dia seguinte a pedido de familiares ao hospital Albert Einsten em São Paulo, onde segue internado.

O candidato acordou hoje às 4h após passar o efeito da anestesia e passa bem. Não há previsão sobre o tempo de recuperação de Jair Bolsonaro.