Segundo pesquisa realizada pela CNT, o candidato à presidência pelo PSL, Jair Bolsonaro, tem 57% dos votos válidos, contra 43% de Fernando Haddad, do PT. Os números citados não mostram votos nulos, brancos e candidatos indecisos.

Dos entrevistados, 74,4% dos eleitores acham que quem vai vencer as Eleições presidenciais será, Jair Bolsonaro; 14,6% afirmam que será Fernando Haddad.

Também foram calculados os índices de rejeição.

O petista Fernando Haddad conta com 51,4% de rejeição, ou seja, pessoas que não votariam nele de forma alguma. Já Jair Bolsonaro, apesar de estar vencendo as pesquisas, tem 42,7% de rejeição.

Nessa pesquisa foram ouvidos 2.002 eleitores e o nível de confiança é de 95%.

'Lua de mel com Jair Bolsonaro será curta', afirma consultor

Segundo o presidente de consultoria de risco, Ian Bremmer, presidente da Eurasia Group, a vitória de Jair Bolsonaro é certa, mas a lua de mel do governo do candidato será curta.

Já que Bolsonaro enfrentará uma atmosfera econômica estagnada e uma população desencantada.

Ian ainda diz que fazer legislação, será uma tarefa muito difícil para Bolsonaro, tendo em vista seu apoio no congresso. Segundo ainda avaliação de Bremmer, dependendo quais as reformas que Bolsonaro queira implantar em seu governo, ele terá bastante problema.

Sobre Paulo Guedes, conselheiro econômico de Jair, Bremmer diz que ele parece sério, e suas propostas para a reforma econômica serão muito boas para o mercado.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Jair Bolsonaro Eleições

Ian ainda falou sobre uma possível união da esquerda, para derrubar Jair Bolsonaro, mas segundo ele, isso não é possível, pois só aconteceria caso o candidato tentasse desrespeitar o Estado de Direito, o que não aconteceu até o momento.

Comparação: Trump x Bolsonaro

Ian Bremmer fez uma breve comparação entre Donald Trump, atual presidente dos Estados Unidos, e Jair Bolsonaro, como mais provável presidente brasileiro.

Ele disse que, se levar em conta a falta de experiência de Trump e Bolsonaro, será uma administração cheia de erros e não ortodoxa. Mas a diferença é que o presidente americano conta com um grande partido politico em seus bastidores e Bolsonaro não tem isso.

Sobre denúncia WhatsApp

Bremmer diz que a denúncia contra Bolsonaro por fazer propaganda anti-PT na rede social não irá afetar em nada sua candidatura ou posse, no caso de vencer as eleições.

Lembrando que, mesmo que as pesquisas mostrem Bolsonaro como favorito, nada impede que Fernando Haddad, dê a volta por cima e vença.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo