Saiu nesta segunda-feira (1), a nova pesquisa do levantamento realizado pelo Instituto FSB Pesquisa encomendado pelo Banco de investimentos BTG Pactual; de acordo com os dados divulgados o candidato Jair Bolsonaro do PSL (Partido Social Liberal) apareceu abrindo 8 pontos percentuais de vantagem sobre seu principal adversário na corrida presidencial: o petista Fernando Haddad. A pesquisa referida da FSB junto ao banco de investimentos BTG Pactual foi registrada na Justiça Eleitoral no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) sob o alfanumérico: BR-05879/2018 e entrevistou 2.000 pessoas por telefone em 27 Estados da Federação.

Com margem de erro de 2 pontos percentuais tanto para mais quanto para menos e com nível de confiança de 95%, os dados da nova pesquisa presidencial da FSB/BTG Pactual também foi divulgada no site do Poder 360, que considerou: a contagem dos votos válidos (sem considerar brancos e nulos), a pesquisa estimulada (que é a intenção de votos para presidente), assim como a evolução de todas as pesquisas, mais o 2º turno.

Como dito, os dados válidos são dados apenas aos candidatos, estimulados, neles, Jair Bolsonaro do PSL aparece com 35%, Haddad 27%, Alckmin 12%, Ciro 10%, Amoêdo 5%, Marina 4%, Alvaro 3%, Meirelles 2%, Daciolo e demais ficaram em 1%. Vale lembrar que toda a pesquisa foi realizada do último sábado (29), ao último domingo (30) do mês de setembro.

Pesquisa anterior, intenção e simulações de 2º turno, segundo o FSB/BTG Pactual

Já na pesquisa feita nos dias 28 a 29 de setembro, Bolsonaro tinha 31% e Haddad 24%, Alckmin 11%, Ciro 9%, Amoêdo 5%, Marina 4%, Alvaro e Meirelles 2%.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Jair Bolsonaro Eleições

Brancos ou nulos totalizaram 2%, não sabe ou não respondeu foi de 4%.

Foram considerados todos os cenários com Jair Bolsonaro nas simulações de 2º turno, em todos eles Jair aparece empatando dentro da margem de erro, tanto com Ciro quanto com o petista Haddad e o tucano Geraldo Alckmin; no entanto em cenário com Marina do REDE o militar aparece ganhando, segue os números.

Num embate entre Ciro e Bolsonaro o PDTista aparece com 45% contra 41% do militar.

Branco, nulo ou nenhum ficou em 12%, não sabe ou não respondeu ficou em 2%.

Já contra Haddad o capitão abre vantagem ainda que técnica: 43% contra 42% do petista, branco, nulo ou nenhum somou 10%, não sabe e não respondeu totalizou 5%.

Em disputa contra o tucano Alckmin, o militar pontuou 41% das intenções enquanto que Geraldo, 42%. Branco nulo e nenhum ficou em 11%. Não sabe ou não respondeu ficou em 6%.

Por fim, em disputa com Marina, Jair Bolsonaro aparece vencendo, contando com 44% dos votos, contra 39% da ex-senadora. Aqui, branco, nulo ou nenhum totalizou 15%, não sabe ou não respondeu ficou em 5%.

Rejeição, no levantamento da FSB/BTG Pactual

Segundo a nova pesquisa levantada pelo FSB/BTG Pactual, Marina Silva é a candidata que tem a taxa de rejeição mais elevada entre os presidenciáveis, 56% disseram que não votariam na ex-ministra de jeito nenhum, por outro lado Ciro aparece com a menor taxa de rejeição.

Confira imagem abaixo:

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo