Muitos ex-atletas, músicos, celebridades de reality shows tentaram nestas Eleições uma vaga em um cargo público. Alguns se deram bem e conseguiram transformar a popularidade em voto e nos próximos quatro anos poderão desfrutar de todos os privilégios inerentes aos políticos brasileiros.

Confira na lista abaixo quem se deu mal nestas eleições e quem se deu bem, sendo eleito com uma grande quantidade de votos.

Se deram mal

Ademir da Guia

O ídolo do Palmeiras tentou uma vaga para deputado estadual por São Paulo, e conseguiu ter pouco mais de 15 mil votos, quantidade não suficiente para ele se eleger novamente para a Assembleia Legislativa de São Paulo.

Publicidade
Publicidade

Batoré

O famoso humorista que ficou conhecido nacionalmente por suas atuações na Praça é Nossa tentou uma vaga para deputado federal por São Paulo e, com pouco mais de 6 mil votos, não conseguiu se eleger.

Cezar Lima

O vencedor do BBB15 não conseguiu se eleger para deputado federal pelo estado do Paraná, com 31 mil votos, ele ficou de fora. Essa é a segunda derrota dele na política, já que em 2016 tentou uma vaga como vereador de Curitiba.

Doutor Rey

O “Doutor Hollywood” tentou se eleger como deputado federal pelo Estado de São Paulo e teve pouco mais de 13 mil votos e ficou de fora.

Publicidade

Conservador, o cirurgião plástico já havia sido pré-candidato à presidência, no entanto, desistiu em abril desse ano.

Frank Aguiar

O cantor de forró não conseguiu uma vaga para o Senado pelo estado do Piauí. Lembrando que ele já cumpriu mandato de deputado federal pelo seu Estado.

Léo Áquila

A cantora, performer e jornalista não conseguiu se eleger deputado federal por São Paulo. Com pouco mais de 6,5 mil votos, sua proposta era a de lutar pelos direitos LGBT.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Famosos Eleições

Marcelinho Carioca

O ídolo corintiano ficou de fora mais uma vez, e não conseguiu uma vaga como deputado estadual por São Paulo. Ele teve 28 mil votos.

Marcos Harter

O médico e ex-BBB não conseguiu se eleger como Deputado Federal pelo Mato Grosso. Lembrando que em seu estado, oito vagas estavam disponíveis para Câmara dos Deputados.

Romário

O Baixinho não conseguiu se tornar governador do Rio de Janeiro, o artilheiro com mais de mil gos ficou apenas na quarta colocação, após ter cumprido dois mandatos como senador da república.

Quem deu bem

Leila do Vôlei

A ex-jogadora de vôlei de quadra e de areia se deu muito bem e conseguiu se eleger como senadora pelo Distrito Federal com 437 mil votos.

Joice Hasselmann

A jornalista se elegeu como deputada federal por São Paulo com mais de 1 milhão de votos. Grande influenciadora digital, ela foi a segunda mais votada de seu Estado, atrás apenas do filho de Bolsonaro, Eduardo.

Jorge Kajuru

O polêmico jornalista conseguiu uma vaga pelo Senado de Goiás com mais de 1,3 milhão de votos.

Publicidade

Tiririca

O humorista conseguiu se eleger pela terceira vez como deputado federal. Com 440 mil votos, ele foi o quinto mais bem votado do país, mesmo fazendo um discurso no ano passado dizendo que nunca mais se candidataria.

Bebeto

O tetracampeão do mundo pela seleção brasileira de futebol conseguiu se eleger como deputado estadual pelo Rio de Janeiro com 25.917.

Danrlei

O ex-goleiro do Grêmio se elegeu pela terceira vez como deputado federal pelo Rio Grande do Sul.

Publicidade

Ele teve mais de 102.662 votos.

Túlio Gadelha

O namorado da apresentadora Fátima Bernardes foi eleito como deputado federal pelo estado de Pernambuco com 75.642 votos.

Alexandre Frota

O ator pornô e ex-global se deu bem nesta eleição, ele foi eleito deputado federal com mais de 155 mil votos.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo