Muitos ex-atletas, músicos, celebridades de reality shows tentaram nestas Eleições uma vaga em um cargo público. Alguns se deram bem e conseguiram transformar a popularidade em voto e nos próximos quatro anos poderão desfrutar de todos os privilégios inerentes aos políticos brasileiros.

Confira na lista abaixo quem se deu mal nestas eleições e quem se deu bem, sendo eleito com uma grande quantidade de votos.

Se deram mal

Ademir da Guia

O ídolo do Palmeiras tentou uma vaga para deputado estadual por São Paulo, e conseguiu ter pouco mais de 15 mil votos, quantidade não suficiente para ele se eleger novamente para a Assembleia Legislativa de São Paulo.

Batoré

O famoso humorista que ficou conhecido nacionalmente por suas atuações na Praça é Nossa tentou uma vaga para deputado federal por São Paulo e, com pouco mais de 6 mil votos, não conseguiu se eleger.

Cezar Lima

O vencedor do BBB15 não conseguiu se eleger para deputado federal pelo estado do Paraná, com 31 mil votos, ele ficou de fora. Essa é a segunda derrota dele na política, já que em 2016 tentou uma vaga como vereador de Curitiba.

Doutor Rey

O “Doutor Hollywood” tentou se eleger como deputado federal pelo Estado de São Paulo e teve pouco mais de 13 mil votos e ficou de fora.

Conservador, o cirurgião plástico já havia sido pré-candidato à presidência, no entanto, desistiu em abril desse ano.

Frank Aguiar

O cantor de forró não conseguiu uma vaga para o Senado pelo estado do Piauí. Lembrando que ele já cumpriu mandato de deputado federal pelo seu Estado.

Léo Áquila

A cantora, performer e jornalista não conseguiu se eleger deputado federal por São Paulo. Com pouco mais de 6,5 mil votos, sua proposta era a de lutar pelos direitos LGBT.

Marcelinho Carioca

O ídolo corintiano ficou de fora mais uma vez, e não conseguiu uma vaga como deputado estadual por São Paulo. Ele teve 28 mil votos.

Marcos Harter

O médico e ex-BBB não conseguiu se eleger como Deputado Federal pelo Mato Grosso. Lembrando que em seu estado, oito vagas estavam disponíveis para Câmara dos Deputados.

Romário

O Baixinho não conseguiu se tornar governador do Rio de Janeiro, o artilheiro com mais de mil gos ficou apenas na quarta colocação, após ter cumprido dois mandatos como senador da república.

Quem deu bem

Leila do Vôlei

A ex-jogadora de vôlei de quadra e de areia se deu muito bem e conseguiu se eleger como senadora pelo Distrito Federal com 437 mil votos.

Joice Hasselmann

A jornalista se elegeu como deputada federal por São Paulo com mais de 1 milhão de votos. Grande influenciadora digital, ela foi a segunda mais votada de seu Estado, atrás apenas do filho de Bolsonaro, Eduardo.

Jorge Kajuru

O polêmico jornalista conseguiu uma vaga pelo Senado de Goiás com mais de 1,3 milhão de votos.

Siga as suas paixões.
Fique atualizado.

Tiririca

O humorista conseguiu se eleger pela terceira vez como deputado federal. Com 440 mil votos, ele foi o quinto mais bem votado do país, mesmo fazendo um discurso no ano passado dizendo que nunca mais se candidataria.

Bebeto

O tetracampeão do mundo pela seleção brasileira de futebol conseguiu se eleger como deputado estadual pelo Rio de Janeiro com 25.917.

Danrlei

O ex-goleiro do Grêmio se elegeu pela terceira vez como deputado federal pelo Rio Grande do Sul.

Ele teve mais de 102.662 votos.

Túlio Gadelha

O namorado da apresentadora Fátima Bernardes foi eleito como deputado federal pelo estado de Pernambuco com 75.642 votos.

Alexandre Frota

O ator pornô e ex-global se deu bem nesta eleição, ele foi eleito deputado federal com mais de 155 mil votos.

Não perca a nossa página no Facebook!