O mestre de capoeira Romualdo Rosário da Costa, 63, conhecido como Moa do Katendê, foi morto na madrugada desta segunda-feira (8) após se envolver em uma discussão política em um bar localizado em Engenheiro Velho de Brotas, na região central de Salvador.

De acordo com a assessoria de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado da Bahia (SSP-BA), Romualdo teria levado com 12 facadas nas costas.

O suspeito do crime, Paulo Sérgio Ferreira de Santana, de 36 anos, foi preso em flagrante pela PM.

Por volta das 2h40, Santana teria começado a gritar no bar em apoio a Jair Bolsonaro, que disputará o segundo turno com Fernando Haddad. Moa do Katendê teria então respondido dizendo que ele e outras pessoas ali presentes preferiam que o candidato do PT fosse o próximo presidente do Brasil. A partir daí, uma confusão teria começado.

Ainda segundo a SSP-BA , as primeiras investigações mostram que a vítima não conhecia o agressor.

Milena Calmon, delegada do DHPP (Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa), disse que Santana já esteve envolvido em outros casos de discussões, em 2009 e 2014. Agora, a delegada pretende ouvir as pessoas que estavam no bar durante a confusão e que testemunharam tudo, assim, ficará mais fácil esclarecer alguns detalhes que faltam sobre esse caso.

Adeus ao Mestre Moa

A SSP-BA divulgou um comunicado informando que o suspeito admitiu ter xingado Mestre Moa e que na hora da confusão estava consumindo bebida alcoólica, mas que agora estava arrependido pelo que fez.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Jair Bolsonaro Eleições

Na nota divulgada pela Polícia Militar, os PMs da 26ª Companhia Independente prenderam Santana em flagrante, logo após o ocorrido em um bar que fica na avenida Vasco da Gama, Dique do Tororó.

O acusado ainda teria agredido outra vítima. Um homem de 51 anos foi atingido no braço, sendo levado ao Hospital Geral do Estado por populares que presenciaram tudo. Esse segundo ferido é primo de Moa do Katendê e precisou ser submetido a uma cirurgia.

No Twitter, fãs e amigos prestaram as últimas homenagens ao Mestre Moa.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo