O Instituto Datafolha divulgou hoje (10) o resultado da primeira pesquisa de intenção de votos para o segundo turno das Eleições de 2018 para o cargo de presidente do Brasil. De acordo com as pesquisas, o total de votos acusa 49% para Bolsonaro e 36% para o candidato do PT, Fernando Haddad. Ao analisar os votos válidos, o percentual sofre alteração, sendo que Bolsonaro alcança 58% e Haddad consegue apenas 42%.

Vale ressaltar que existe a margem de erro de 2 pontos percentuais para mais ou para menos.

Contudo, mesmo com essa pequena margem de engano, o resultado permanece, ou seja, o candidato do PSL consegue a vitória. Portanto, caso o resultado da votação que ocorrerá dia 28 de outubro seja semelhante à pesquisa, Jair Messias Bolsonaro será o próximo presidente do Brasil.

Apoio dos candidatos

A disputa pelos votos apenas começou.

Neste momento, é muito importante o apoio dos ex-candidatos que disputaram o primeiro turno da eleições.

De acordo com o Instituto Datafolha, o apoio de Ciro Gomes é um fator indiferente para 63% das pessoas que responderam a pesquisa. Contudo, para 21%, o apoio do PDT é importante. Durante a entrevista, 69% dos eleitores comentaram suas opiniões são indiferentes ao possível apoio de Geraldo Alckmin a um dos candidatos.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Jair Bolsonaro Eleições

Entretanto, para 14% dos entrevistados, o apoio do PSDB é importante.

Conforme a pesquisa do Datafolha, o fato de Marina Silva apoiar um candidato é algo indiferente para 72% dos entrevistados e 11% afirmaram que votariam conforme a indicação e outros 11% optam por decidir contra a decisão de Marina.

Resultado parcial

O resultado obtido nessa pesquisa de intenção de votos ainda é precoce, pois os candidatos estão em campanha.

Bolsonaro e Haddad devem se confrontar em debates, onde irão apresentar suas ideias. Nos dias que precedem as eleições, as pesquisas poderão fornecer um prévia real das intenções de votos e como os eleitores deverão votar no segundo turno.

Contudo, para o PSL e os partidos que apoiam Bolsonaro, o resultado do Datafolha, mesmo que momentâneo, é muito importante para motivar a campanha do candidato até o dia 27 de outubro.

Para os que apoiam o PT, a boa notícia é a visão sobre a diferença percentual, pois ela não é tão grande e pode ser revertida durante a campanha e os debates.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo