A juíza Gabriela Hardt, que substituiu provisoriamente o juiz federal Sergio Moro na Operação Lava Jato, proferiu a sua primeira sentença após a saída do magistrado. Ela condenou o ex-diretor de Serviços da Petrobras, Renato Duque, a 3 anos e 4 meses de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro.

A primeira sentença proferida por ela, após a saída de Moro, aconteceu nesta segunda-feira (19). Duque foi condenado por irregularidades na contratação da obra de Gasoduto Submarino de Interligação dos Campos de Lula e Cernambi.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Lava Jato

Na denúncia, o ex-diretor teria favorecido a empresa italiana Saipem, que trabalha com petróleo. Além de Renato Duque, também foi condenado o lobista João Antonio Bernardi Filho.

Em seu despacho na sentença, a juíza afirmou que Duque buscou o enriquecimento ilícito e de outras pessoas aproveitando-se de seu cargo de Diretor da Petrobras.

Segundo a força-tarefa da Lava Jato, Duque arrecadada propina para o PT. Sua pena chegou a ser decretada de 6 anos e 8 meses de cadeia. Entretanto, a juíza amenizou a punição após entender que Renato Duque colaborou com as investigações. Ele teria elucidado questões importantes que estavam sendo apuradas pelos investigadores da Lava Jato.

Mesmo entendimento de Moro

Ao amenizar a pena do condenado, a juíza justificou que utilizou o mesmo entendimento do juiz Sergio Moro em relação a outros autos. De acordo com ela, embora a colaboração do condenado tivesse acontecido de uma forma tardia, ela disse que achou conveniente reconhecer a sua contribuição nas investigações.

Ela reiterou que ele trouxe informações precisas e isso possibilitou que ele ganhasse benefícios da Justiça.

Duque havia sido denunciado em 2015 nesse processo da empresa italiana Saipem.

Confissões a Moro

Vale ressaltar que, em um depoimento a Moro, Renato Duque atribuiu ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva vários dizeres sobre a importância dele não ter nada no seu nome para não complicá-lo na Justiça: "Se tiver alguma coisa não pode ter, entendeu? Não pode ter nada no seu nome entendeu?".

Renato Duque havia dito nas suas confissões que Lula [VIDEO] tinha sobre suas mãos o comando do esquema de corrupção da Petrobras e revelou encontros com o petista para conversar sobre desvios da estatal no aeroporto de Congonhas.

Hardt também ouviu Lula essa semana na ação penal do sítio de Atibaia [VIDEO]. Nesse interrogatório, Lula confirmou que se encontrou com Duque em um aeroporto.