Após a queda do helicóptero da Polícia Militar na região próxima à comunidade da Cidade de Deus, que ocorreu no final deste sábado (19), os criminosos comemoram em áudio gravado.

A sonora foi publicada como um vídeo na página do Facebook do Jacarepaguá Notícias e teve mais de 81 mil visualizações, 841 compartilhamentos e 1,2 mil reações, além dos mais de 500 comentários, que em sua maior parte são de pessoas que se dizem revoltadas com a situação.

No áudio, é possível ouvir um rapaz gritando exaltado, por duas vezes, que eles haviam consigo derrubar o Águia, tudo isso seguido de palavras de baixo calão.

Ele finaliza a gravação afirmando que eles conseguiram dominar Jacarepaguá – bairro da Zona Oeste do Rio de Janeiro – de ponta a ponta.

O helicóptero caiu por volta das 19h30 na Avenida Ayrton Senna, próximo ao acesso à Linha Amarela, via expressa do estado do Rio de Janeiro,

As vítimas que estavam na aeronave são: Rogério Felix Rainha, Rogério Melo Costa, William de Freitas Short e Camilo Barbosa Carvalho. Eles eram sargento, Major, capitão e subtenente, respectivamente da organização. A PM divulgou nota afirmando que os corpos foram encaminhados ao IML (Instituto Médico Legal).

Já a investigação que definirá as causas que levaram a aeronave cair será realizada pelo Cenipa (Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos).

Uma câmera de segurança do Centro de Operações Rio da Avenida das Américas registrou imagens do momento em que o helicóptero caiu e ajudará na apuração do caso. Mas, de acordo com um comandante do 18º Batalhão da Polícia Militar, não se pode ainda afirmar que a aeronave tenha caído por conta de disparos feitos por criminosos, é necessário aguardar pela perícia para verificar e estudar detalhes necessários.

Vai ficar por fora de assuntos como este?
Clique no botão abaixo para se manter atualizado sobre as notícias que você não pode perder, assim que elas acontecem.
Polícia

Devido à tragédia, a Linha Amarela ficou interditada por um período, provocando engarrafamentos pela região. De acordo com Unidade de Polícia Pacificadora que fica na comunidade, o confronto teria tido início com um patrulhamento que ocorreu mais cedo, no qual policiais encontraram criminosos armados na região.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo