Duas pessoas morreram na manhã desta quarta-feira (29), após dois acidentes na rodovia José Ermírio de Moraes, também conhecida como Castelinho, em Sorocaba. As colisões envolveram um ônibus, um caminhão, uma moto e um carro. A Secretaria de Saúde não informou em quais dos veículos as vítimas fatais estavam.

De acordo com informações da TV Tem, e também confirmadas pela Polícia Rodoviária, um ônibus fretado da empresa São João que levava trabalhadores para uma empresa da região seguia sentido Itu quando no quilômetro 3 bateu na traseira de um caminhão, por volta das 5 horas da manhã. O motorista e um passageiro, que estava ao lado, ficaram presos às ferragens e o Corpo de Bombeiro teve bastante trabalho para resgatá-los.

Eles foram levados em estado grave para o Hospital Regional de #Sorocaba, junto com outra passageira, que estava sentada no primeiro banco. Outras nove pessoas que estavam no veículo também sofreram ferimentos e foram atendidas no local. O motorista do caminhão nada sofreu.

Por conta do #Acidente o trânsito ficou lento no local e isso acabou provocando uma segunda ocorrência, quando uma moto bateu em um carro. O motociclista teve vários ferimentos e também foi levado ao hospital, enquanto que o motorista do veículo saiu ileso. A #ViaOeste, concessionária que administra a rodovia, informou que por conta dos acidentes o congestionamento se estendeu por três quilômetros. Após a retirada dos veículos acidentados, as pistas foram liberadas e o trânsito passou a fluir normalmente por volta das 7h30.

Os melhores vídeos do dia

Outro acidente

Não muito longe da rodovia Castelinho, na Marginal Dom Aguirre, em Sorocaba, outro acidente deixou uma pessoa ferida. Por volta das 9 horas, uma Brasília invadiu a pista contrária e bateu de frente em um Fusca. O motorista de um dos veículos teve ferimentos na cabeça e foi levado para um hospital particular. Uma ambulância do SAMU, que se dirigia até outra ocorrência, prestou atendimento aos dois motoristas. Em razão da batida, formou-se um grande congestionamento na avenida, mas às 10h15 a via foi liberada e o trafego normalizado.