O motorista Antônio Duarte, de 77 anos, morreu na noite desta segunda-feira (26) após passar mal e bater em um caminhão, que estava parado em um semáforo. O acidente ocorreu na por volta das 22h30, no cruzamento das avenidas Itaberaba e João Paulo 1º, no Jardim Brasilândia, zona norte da capital paulista.

Segundo informações passadas por testemunhas, o coletivo, que fazia a linha Metrô Satanana-Jardim Almanara e que não transportava passageiros no momento, vinha em zigue-zague, subiu na calçada, passou por cima do ponto de ônibus, que, por sorte, estava vazio, raspou em uma parede e só parou após se chocar contra a traseira do caminhão.

“Foi tudo muito rápido. Teve o barulho, a gente saiu, já tinha muita gente em cima, já tinha gente pulando a janela do ônibus para poder ajudar. Ele estava desmaiado”, disse o operador de caixa Daniel Scola, que trabalha em uma farmácia próximo ao local onde aconteceu a batida. Duarte ainda foi socorrido e levado para o Hospital Vila Penteado, mas não resistiu e morreu, não em decorrência da batida, e sim por conta do infarto, que o fez perder o controle do ônibus. Ninguém mais saiu ferido no acidente.

Motociclista voa após batida em poste

Câmeras de segurança instaladas na avenida Monteiro Lobato, em Mongaguá, no litoral de São Paulo, registraram um forte acidente envolvendo duas motocicletas, neste domingo (25). O garupeiro e a pessoa que pilotava a moto seguem internadas.

O local onde aconteceu a batida fica às margens da rodovia Padre Manoel da Nóbrega, no bairro Balneário Jussara. Nas imagens, é possível ver a motocicleta se aproximando rapidamente de uma outra que está à sua frente.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Polícia

De repente, essa segunda se desloca para a direita e colide com a que vinha atrás para fazer a ultrapassagem e a joga contra um poste. Na batida, a pessoa que estava na garupa é arremessada contra um muro e sai do campo de visão da imagem.

As imagens ainda mostram o piloto da outra moto envolvida correndo para ajudar. Na pressa, ele arremessa seu capacete no chão, que por pouco não acerta outra pessoa, que também corria para prestar socorro, assim como outras pessoas que estavam em um ponto de ônibus.

De acordo com informações levantadas pelo portal G1, as duas vítimas foram socorridas por uma equipe do Samu e o resgate chegou em menos de dez minutos ao local e encaminhou as duas pessoas até uma Unidade de Pronto Atendimento. As identidades das pessoas envolvidas no acidente não foram divulgadas.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo