Um senhor de 71 anos é suspeito de ter cometido um crime que chocou a cidade de Jacareí, no interior de São Paulo. Benedito Antônio de Oliveira teria matado a filha, Marcela, e o genro, Alexandre. Segundo as informações de familiares, ele tratava o genro como se fosse seu filho, mas acabou matando os dois.

Segundo informações do programa "Cidade Alerta", da Record TV, ao justificar o motivo do crime contra o casal que vivia em sua casa, Benedito disse que Marcela e Alexandre estavam abusando de uma filha adotiva do casal. A mãe e a família de Alexandre dizem que ele não seria capaz de fazer tal crime e acrescentou que possivelmente Benedito está tentando acusá-lo para arranjar desculpas a fim de justificar o que fez.

Ainda segundo informações do programa "Cidade Alerta", a família de Alexandre disse que quem pode ter praticado o ato é o próprio assassino que acusou seu filho, pois agora não pode se defender. Eles também temem que o senhor seja solto e queira tentar contra a vida deles e de outras pessoas.

Assim que foi notado o sumiço do casal, seu Benedito estava em casa e disse que eles haviam saído e não disseram para onde iriam. Mas um detalhe chamou atenção no caso, o casal não levou absolutamente nada, todos os pertences ficaram na casa, os documentos do casal, a moto, que era o único meio de transporte de Marcela e Alexandre, roupa e todo resto.

Segundo informações do "Cidade Alerta", Benedito se mostrou muito triste com o desaparecimento da filha e o genro.

Ele participou das buscas e deu informações de onde o casal poderia estar.

Ao ser questionado sobre como era a relação de pai e filha entre os dois, Benedito disse que não se davam muito bem, pois Marcela o tratava de forma grosseira. Já a mãe de Alexandre disse que Benedito espancava Marcela e que já viu ela com vários machucados de surra que ele dava nela.

Segundo a Polícia, Benedito confessou ter cometido os crimes e relatou que já vinha planejando tudo há pelo menos um mês, quando, segundo ele descobriu, o abuso da neta. Ele disse também que pensou em dar uma surra nos dois, mas sua filha, ao saber o que houve, repreendeu a menina, e então ele decidiu matar os dois.

Para a polícia essa versão pode ter sido criada por ele para se sair como um justiceiro. Benedito segue preso e irá responder pelos crimes.

Como o crime aconteceu

Segundo a investigação, Benedito atraiu a filha para o quintal da casa, onde tem uma horta, e a matou com vários golpes de marreta. Depois, foi para o quarto onde o genro, que chegou cansado do trabalho, estava dormindo e o matou a golpes de machado. Para carregar o corpo ele usou um carrinho com rodas de rolimã. Ele então teria enterrado os dois corpos no quintal Benedito segue preso e irá responder pelos crimes.

Siga a página Polícia
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!