Após assistir ao filme O Regresso (The Revenant), protagonizado pelos atores Tom Hardy e Leonardo DiCaprio e idealizado pelo genial Alejandro Iñarritu, saí da sala de Cinema surpreendida pela atuação de Hardy, talvez por ter lido muito sobre a atuação de Léo e os desafios da sua personagem e ter certeza que veria mais uma atuação impecável dele.

Então, como normalmente faço quando gosto de um determinado ator, pesquisei mais informações sobre Tom Hardy e dediquei alguns dias para assistir a outros de seus filmes.

Além dos mais comerciais como o recente Mad Max: Estrada da Fúria (Fury Road), Batman - O Cavaleiro das Trevas Ressurge (The Dark Knight Rises), A Origem (Inception), Lendas do Crime (Legend) e Guerra é Guerra (This Means War), ele atuou em outros filmes surpreendentemente bons como Guerreiro (Warrior), Bronson e Locke.

A entrega às suas personagens é tão grande e intensa, que Hardy me fez chorar durante uma luta de MMA, me fez ter compaixão por alguns dos criminosos mais perigosos e violentos de Londres e perdoar a traição de um marido arrependido.

Além disso, Tom Hardy não é só um bom ator, mas também um homem muito bonito, apesar de seus dentes imperfeitos, seu passado como usuário de drogas e suas personagens, em sua maioria, violentas.

E a personalidade forte não se limita apenas quando ele está em cena, mas também em sua vida pessoal. Em algumas entrevistas que assisti, pude ver um homem calmo, reservado, porém sincero e direto. Perguntas indiscretas e desinteressantes são respondidas em poucas palavras ou simplesmente ignoradas.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Famosos Cinema

Tom cresceu num subúrbio elitizado de Londres e chegou a estudar artes dramáticas na Drama Centre London, escola que formou outros atores como Michael Fassbender, Pierce Brosnan e Colin Firth.

Hardy tem como um dos seus maiores ídolos da classe artística o ator inglês Gary Oldman, com quem trabalhou em três ocasiões: Batman - O Cavaleiro das Trevas Ressurge (The Dark Knight Rises), O Espião Que Sabia Demais (Tinker Tailor Soldier Spy) e Child 44.

Já foi indicado a diversos prêmios, incluindo ao Oscar de Melhor ator Coadjuvante em 2016 por O Regresso e já levou para casa o BAFTA de Estrela em Ascensão em 2011.

Apesar de já ter uma carreira relativamente longa e bem estabilizada, 2015 foi definitivamente o ano de Tom Hardy, agora, merecidamente, reconhecido como um ator de elite e em ascensão em Hollywood. Para os que assim como eu não veem de ver o ator em cena novamente, só nos resta esperar!

Hardy está trabalhando na série Taboo (BBC - UK), escrita pelo próprio ator em parceria com seu pai, o escritor Chips Hardy, que tem estreia prevista para 2017. Além disso, o ator está confirmado no novo filme de Christopher Nolan, com quem já trabalhou duas vezes anteriormente, Dunkirk, também previsto para 2017.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo