Parece brincadeira a forma com que agem os deputados que hoje compõem o governo 'golpista' de Michel Temer (PMDB). Golpista porque, segundo a maioria da população, Temer não deveria assumir a presidência. Já falamos aqui sobre o desmonte do governo Temer, que vai desde a privatização a acordos internacionais nada afáveis para o Brasil que queremos.

Só Dilma que era culpada?

Dilma foi afastada de seu cargo por nenhum crime, através de alianças políticas que decidiram tirá-la do poder. Esse é o pensamento de quem aposta em Temer como golpista, e alinha-se com o pensamento da mídia internacional acerca do que acontece no país.

O preço do impeachment é a salvação dos políticos corruptos

Pois bem, o Brasil passa por uma reestruturação política sem medidas, causada por uma operação inflada pela mídia que leva o golpista como sobrenome. Aliada ao sistema jurídico que dispensa o sobrenome por ser da mesma família, a luta por corrupção parece ter só um lado.

Pelo menos é nisso que parecem acreditar os deputados federais que buscam anistia para os crimes de Caixa 2 praticados em campanhas, até hoje. O presidente da câmara, Rodrigo Maia, busca inocentar políticos corruptos e criminosos que movimentaram dinheiro ilícito até então.

Deputados querem perdoar crimes de Caixa 2

A medida surge em descompasso com as medidas da Lava Jato, e muito mais destoante ainda do discurso dos deputados que resolveram afastar Dilma por falta de governabilidade. Então, o crime só pertencia a ela e ao Partido dos Trabalhadores (PT)? Com Dilma fora do poder, o momento agora é de salvação e glorificação de bandidos? Esse era um dos questionamentos que fizeram internautas que ficaram perplexos com a audácia da Câmara de Deputados federais, que agora recebe o sobrenome golpista.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Lava Jato Lula

É golpe porque, em um momento de combate à corrupção, anistiar políticos por cometer crimes políticos é garantir a impunidade deles. Não se combate a corrupção com perdão de crimes políticos que lesaram os cofres públicos e podem ter modificado todo o processo eleitoral. Todos nós sabemos que campanhas com grandes recursos possuem grandes chances de ganhar. O Caixa 2 garantiu e garante que muitos políticos sujos e corruptos mantenham-se no poder, financiando suas campanhas com dinheiro proveniente de corrupção

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo