Itaberlly Lozano foi assassinado e teve o corpo carbonizado. A autora do crime foi a própria mãe.
Em diversos comentários, pessoas justificam a intolerância da mãe, como se a vítima fosse a culpada por sua própria morte.
Comentários na notícia do assassinato são abertamente homofóbicos.
Poucos dias antes do assassinato, Itaberlly foi espancado e publicou um desabafo no Facebook.
1 de 4

Photogallery - O assassinato de Itaberlly Lozano e a cultura da homofobia no Brasil