No capítulo desta última terça-feira (12), a novela ‘A Força Do Querer’ mostrou mais uma etapa da ascenção e queda da personagem Bibi Perigosa (Juliana Paes), trama esta que caiu no gosto popular. Também neste capítulo, foi visto Silvana (Lilia Cabral) dando mais um passo para o fundo do poço ao mentir descaradamente para seu marido Eurico (Humberto Martins) e não assumir seu vício em jogo, enrolando-se cada vez mais em sua rede de mentiras.

Mas talvez o ponto alto do capítulo analisado tenha sido o cerco sofrido por Dantas (Edson Celulari) por bandidos que o sequestraram junto com o menino Yuri (Drico Alves) quando bandidos do Morro do Beco levam ambos.

O desdobramento desta sequência será visto no capítulo desta quarta-feira (13).

Como já destacado anteriormente aqui mesmo neste espaço, a atual obra da autora Gloria Perez tem o mérito de fazer com que personagens secundários ganhem destaque entre outros méritos.

Mas um destaque negativo da novela tem sido o ator e cantor Fiuk, que com seu personagem Ruy, que torna-se cada vez mais irrelevante para a trama.

O ator não é o primeiro caso de ator que teve um personagem em uma novela que foi programado para ser um dos protagonistas, mas, com o passar do tempo, não teve força suficiente para merecer destaque. Caso parecido aconteceu com o ator Mácio Garcia com seu personagem Bahuan, na novela 'Caminho das Índias', coincidentemente outra obra de Gloria Perez.

Mas talvez Ruy seja o primeiro protagonista a tornar-se ‘orelha’.

Atualmente, Ruy somente tem breves aparições no drama familiar de sua irmã/irmão Ivana/Ivan (Carol Duarte). Ruy vez ou outra aparece envolvido em alguma confusão com Irene (Débora Falabella), ex-amante de seu pai Eugênio (Dan Stulbach [VIDEO]), em sequências que não acrescentam em nada para a trama, ou ainda quando aparece brincando com seu filho, sempre em seu quarto, aparentemente o personagem nunca pensou em sair com o filho.

A verdade é que o ator não está sendo muito ajudado no folhetim, pois a trama em que Ruy deveria ter mais destaque, o triângulo amoroso entre ele, Ritinha (Isis Valverde) e Zeca (o excelente Marco Pigossi) é das mais insossas da novela.

Uma sugestão para ver um bom trabalho do filho de Fábio Júnior é o filme 'As Melhores Coisas do Mundo’, produção de 2010, da diretora Laís Bodanzky. Com a novela chegando à sua reta final, a pergunta que fica no ar é: ainda haverá salvação para Ruy? #GlóriaPerez #carolduarte