Desde que inicia-se a nossa escolaridade, lá no jardim de infância, aprendemos que cuidar do meio em que vivemos é importantíssimo para levarmos uma vida mais agradável. Não só a nossa vida (seres humanos), mas também dos elementos que compõem esse meio, como, por exemplo, animais e plantas. No mundo todo existem leis que não permitem poluir a cidade mas, infelizmente, há lugares onde essa lei é totalmente ignorada.

No Brasil, por exemplo, as duas maiores metrópoles sofrem muito com isso. As cidades contêm poluição em excesso. Daí quando chegam as épocas chuvosas, já se sabe, né? É aquela história de alagamento, onde a chuva infelizmente acaba destruindo muitas moradias, principalmente as que costumam localizar-se no alto de morros, onde existem uma grande chance de desabarem.

Existe um outro fator que contribui bastante para a poluição de um rio, que talvez poucos conheçam, que é o de despejar detergentes, restos de refrigerante, sucos, óleos, pelo ralo da pia. O ato de jogar tais elementos pela pia da cozinha chega até o cano e atinge os lençóis freáticos, que chegam até aos rios localizados abaixo do solo, e acabam contaminando grande parte dessas águas.

Tem também aquela historinha da água que todo mundo conhece sobre economizar. É bastante repetitiva e até desgastante, mas funciona, sim. Só de você economizar uns minutinhos, que costumam servir para nada, do seu banho já contribui com uma porcentagem para a diminuição de gastos de água no mundo. Ah, lembrando que você poderá pagar um preço mais baixo na sua conta de água no final do mês.

Viram que isso já contribui para dois importantíssimos fatores? Por mais que tentamos evitar tais problemas ambientais causados por nós, seres humanos, nunca será o suficiente.

Os melhores vídeos do dia

Porque a maior parte deste caos gera grana, e o ser humano é "algo" que pensa muito em ter cada vez mais dinheiro e riqueza. É claro que isso vem em primeiro lugar e, infelizmente, a Natureza acaba ficando para trás, como se não fosse tão importante assim para nós.

A natureza também sente, natureza também é vida! Seja um colaborador(a) de algo que não é só meu, ou seu, é de todos nós. E deve, sim, ser cuidado e respeitado. A fauna e a flora pedem socorro, e está tudo em nossas mãos, só nos resta pôr em prática!

Comecem a ter consciência do que nós, seres humanos, estamos causando ao meio em que vivemos, porque, depois que for tarde demais, e toda essa riqueza que nos é proporcionada chegar ao fim, será tarde demais qualquer ato de lamentação.