Enquanto histórias de corrupção e abandono estampam os jornais e sites de notícias, ainda existem muitas pessoas que fazem a diferença para ajudarem o próximo. Embora muitos preguem ajudar quem mais precisa [VIDEO] e até arrecadam dinheiro para isso, nem sempre a ajuda chega para quem realmente necessita, e face a isso existem milhares de pessoas vivendo na extrema pobreza no Brasil, e muitos deles não possuem nem mesmo uma casa para morar.

Diversas políticas públicas foram criadas para atender essa demanda, cada vez mais frequente, de pessoas que necessitam de um lar para chamarem de seu. Mas enquanto o governo não pode atender a todos, um casal de pastores tiveram uma ideia que está mudando a vida de muitas pessoas que vivem em Ipatinga, localizada na região do vale do aço de Minas Gerais.

Pastores fazem parte da Igreja Metodista Universal em Ipatinga - MG

Os dois fazem parte da Igreja Metodista Universal da cidade e estão revolucionando vidas com a partilha daquilo que eles arrecadam com os mais necessitados. Os dois não distribuem dinheiro, mas usam parte daquilo que ganham na igreja para realizar os sonhos de alguns de seus fiéis, que não possuem condições mínimas para viverem. A iniciativa dos pastores acabou virando notícia após o casal iniciar o projeto idealizado por eles.

Os dois estão mudando a vida de diversas pessoas através do gesto solidário

Lucas Rezende tem apenas 23 anos e Lawanda Karen está com 19, mesmo tão jovens, os dois estão mudando a vida de diversas pessoas através do gesto solidário que eles empreenderam em Ipatinga - MG. Os dois criaram um projeto que está beneficiando diversas pessoas que não têm condições de terem uma casa ou que vivem pagando aluguel.

Gesto nobre do casal deveria ser levado como exemplo para diversas pessoas que querem ajudar e não sabem por onde começar

O gesto nobre do casal de pastores consiste em construir casas para os fiéis, [VIDEO] e Lucas coloca, literalmente, a ‘mão na massa’ e ajuda nas construções que já começaram na cidade. O dinheiro arrecadado no dízimo e de doações é utilizado para a construção de casas, e o projeto dos dois já ganhou até nome, ‘Cristo em Minha Casa’.

A primeira obra que aconteceu foi uma reforma na casa de Girlene

A primeira obra que os dois se dispuseram a fazer foi uma reforma na casa de Girlene, uma fiel que pertence a igreja do casal de pastores. A casa da mulher estava cheia de rachaduras e ameaçava cair. A fiel de 39 anos é mãe de três filhos e teve a sua casa incluída no projeto, recebendo a reforma de sua residência feita pelo pastor.

Veja abaixo algumas fotos deste projeto:

#dizimo #honestidade