A Reforma Protestante [VIDEO] foi um movimento que transformou a história do Cristianismo para sempre. Tudo começou em Wittenberg, no dia 31 de outubro de 1517, quando o monge Martinho Lutero fixou na porta da Igreja do Castelo de Wittenberg as 95 teses que protestavam contra as práticas abusivas da Igreja Católica.

Hoje em todo o mundo evangélicos comemoram no dia 31 de outubro o "Dia da Reforma Protestante".

Como t [VIDEO]udo começou

Já quase no final da Idade Média, quando a Europa era dominada pelo poder monárquico, caracterizando um tempo de conflitos e relações turbulentas entre os regentes e o clero da igreja. A Igreja Católica durante um longo tempo exerceu uma influência com domínio religioso e espiritual e, porque não dizer, político.

Perdendo sua principal característica que era de proclamar o Evangelho, passando então a agir mais como entidade governamental do que como igreja. Chegando ao ponto de receber tributos.

Ao longo da história isto gerou uma grande insatisfação por parte da grande burguesia e população camponesa. Que lutaram contra o enriquecimento ilícito e abusivo da igreja.

A Reforma de Martinho Lutero

Foi exatamente dentro deste contexto que apareceu Martinho Lutero (1483-1546) dando início a Reforma Protestante quando ainda era um monge,

No ano de 1517, ele ficou revoltado com as práticas de venda de indulgências, foi quando ele escreveu as famosas 95 teses criticando os abusos da Igreja e do próprio Papa, dentre eles:

  • A igreja condenava o acúmulo de bens, mas na prática ela mesmo fazia isto, acumulando uma quantia enorme de riquezas e posse de terras.
  • A igreja promoveu fortemente a venda de indulgências, onde alegava que qualquer cristão poderia comprar o perdão para seus pecados.

Essas 95 teses foram pregadas no dia 31 de outubro de 1517 na porta da Igreja do Castelo de Wittenberg.

É bem provável que nem Lutero imaginava que este documento traria tamanha repercussão. Logo essas 95 teses tornaram-se conhecida de toda população. E bem rápido chegou à Roma.

Leão X, o Papa, redigiu uma bula no ano de 1520 condenando Lutero e exigindo do mesmo uma retratação. Quando Lutero recebeu a bula, a queimou em público rompendo de vez com o governo do Papa e a Igreja Católica. No ano seguinte (1521) com uma série de ameaças, o Papa Leão X excomungou Martinho Lutero.

Lutero começou a Igreja de confissão Luterana, renunciando boa parte do que preceituava o catolicismo, permanecendo apenas com a eucaristia.

Os efeitos da reforma não se detiveram apenas as 95 teses de Lutero. A Reforma ressaltou a justificação pela fé, bem como o acesso às escrituras a todos que cressem no Evangelho. Através da reforma, foi promovida a educação, a democracia. E a liberdade de Culto.

Não se pode esquecer que na França João Calvino foi tão influente trazendo a Reforma como Martinho Lutero na Alemanha.