Infelizmente, hoje o Brasil vive uma triste fase em questões políticas, é tanta gente corrupta que não sabemos mais em quem votar. Todos fazem a mesma coisa, prometem mil maravilhas antes da eleição, são tão bondosos. Como já se dizia: “até o santo desconfia”, essa é a realidade que vivemos. Ainda sim, existem pessoas honestas, o difícil é distingui-las das desonestas, mas podemos fazer isso.

Hoje em dia, com a tecnologia e recursos de informação, podemos nos unir e mudar esse cenário político. Existe inúmeras maneiras que veremos a seguir e que são fáceis de praticar.

Simples passos para escolher seu candidato

O primeiro passo e mais importante é pesquisar sobre o histórico de cada candidato, procure sobre sua vida pessoal, como ele se porta diante da sociedade, se tem respeito pelas pessoas, pesquise sobre sua vida profissional ou seu trabalho, se cumpre realmente com horários, metas, responsabilidades, normas, tudo que você encontrar será relevante para uma comparação com sua campanha #Política, como promessas e discursos.

Pesquise em sites confiáveis, como da Justiça Eleitoral, ou sites conhecidos e renomados.

Pesquise sobre sua vida política, provavelmente o candidato já ocupou alguma função parlamentar. Este é um segundo ponto muito importante, com isso você irá saber como foi o trabalho desenvolvido pelo candidato em sua gestão passada. Procure saber quais projetos o candidato desenvolveu ou executou, se são realmente de importância para a sociedade, veja também se o candidato dificultou algum projeto importante, por questões politicas, essas informações são fáceis de encontrar em sites de prefeituras e de notícias da cidade em que ele exerceu o cargo.

Conheça o partido do candidato e a coligação, são dois pontos muito importantes, pois o conjunto de ideias que o partido ou a coligação defende como programas e projetos para a sociedade terão influência diretamente nos candidatos, lembre-se que se o seu candidato for eleito, ele fará sua gestão em cima das influências e ideias do partido e da coligação.

Tendo o conhecimento sobre o candidato, quando chegar a campanha, avalie bem suas propostas, se são concretas e fáceis de executar, não acredite em ‘milagres de políticos’, falar é muito fácil, por isso analise bem suas ideias. Outro ponto é o valor em que o candidato irá gastar em sua campanha, se for algo exorbitante, elimine-o, campanhas dependem somente do Fundo Partidário e das doações de pessoas físicas, com um limite determinado de gastos que são divulgados aos eleitores. Se a campanha está sendo muito cara, pode indicar o mal uso do dinheiro, seja para outros fins, como bens pessoais. É importante lembrar que desde 2015 não é permitido doações de empresas.

Vote com honestidade

As #Eleições 2018 estão chegando, use esses conceitos para escolher seus candidatos, pense, analise, pesquise, pois o futuro de nosso País está em nossas mãos. Com calma e confiança podemos sim mudar esse cenário político tão catastrófico, vote com inteligência. #Corrupção