Quem pode ser capaz de ser criativo, inovador e pró-ativo quando cercado por opressores? Metas do trabalho, chefias mal-intencionadas, finanças, desemprego, sociedade pessimista e, talvez, uma família que não dá muito suporte emocional.

Pise no freio: Quais são os medos? Quais atitudes precisam ser tomadas para que as circunstâncias não ocasionem tristezas? O tempo não espera, mas você pode parar, refletir e perceber o que precisa ser feito para mudar as rotinas da vida. Um dos principais culpados somos nós, que, ao olhar para trás e voltar os olhos para o presente e ainda para o futuro, as atitudes são semelhantes e elas permitiram que ficássemos ainda no mesmo lugar, talvez com poucas mudanças.

O apóstolo Paulo, ao escrever para a carta aos romanos, já recomendava-os renovar a mente, não se conformar com os padrões estabelecidos da sociedade, ou seja, recomendava os estudos, planejamentos, observação e prática - erros e acertos, novos ajustes, novos pensamentos, novas rotinas - reestruturação da vida, forma de pensar, agir e interagir na família e sociedade. O caos sempre existiu nas sociedades passadas, principalmente no âmbito político e social.

Ser criativo requer esforço, paciência, meditação, bagagem de vida e aprendizado constante. No ambiente opressor, dificilmente consegue-se ser criativo. Portanto, é necessário planejamento e ação.

Ritmo acelerado

Qual de nós tem a habilidade e a prática de exercer a paciência? Difícil resposta. Tempo curto onde as 24 horas disponibilizadas, somadas as atividades cotidianas, mudam nossa percepção sobre a vida, permitindo-nos ser pessimistas, considerando o tempo escasso.

A natureza tem muito a ensinar: tempo para todas as coisas, famosa afirmação do sábio Salomão. Somos da criação, inseridos na natureza e não respeitamos essa premissa comum a todos - tempo para todas as coisas acontecerem. O sistema econômico encurralou a todos a entrarem em engrenagens aceleradas, desconstituindo a essência humana, fazendo-a semelhante a uma máquina, com duas pequenas distinções.

Máquinas e sistemas informáticos têm conserto. Porém, a saúde humana, nem sempre. Raros são os que possuem o controle de sua própria agenda e essa falta de controle cria desejos de empreender, ser dono do tempo e da atividade profissional, agenda. Uma pergunta que deixam de fazer: O sistema econômico, as formas de trabalho e de convivência entre os homens estão corretos? Questionar amigos e familiares sobre estas questões pode ocasionar em frustrações, pois raramente sabem responder de forma abrangente, completa e sem achismos.

O que fazer? E a criatividade?

Estudos e análises, observar a fim de montar quebra-cabeças.

A essência do homem foi fragmentada com mentiras, discursos bonitos com sofismas. Apesar de a seguinte afirmação ser utilizada apenas por religiosos, sua abrangência está além da religiosidade: "E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará." João 8.32.

Esteja certo que não é semelhante a comidas semi-prontas, com pequeno tempo de preparo em forno ou micro-ondas. Criatividade requer tempo, contemplação, observação, estudo e prática. Semelhante a quem pinta quadros, decora objetos pequenos para enfeite, artesanatos em geral.

Saber o que quer e como chegar até seus objetivos (planejamento). Saber conciliar as rotinas da vida para gerar equilíbrio e, assim, satisfação em viver, não apenas sobreviver.

Criatividade surge de ideias, a partir de algo já construído, inventado, surge da percepção de criar algo novo para melhorar rotinas ou formas de trabalho - inspirações.

Links relacionados

As 5 cidades com melhor qualidade de vida no mundo

Pare de travar sua vida por causa de seus paradigmas #opressãoxcriatividade #viverbem #controletempo