A revista Super Interessante traz em seu dossiê uma série de reportagens sobre a aproximação da série Black Mirror com a realidade atual. Entre essas reportagens, a última (página 60) trata de linchamentos virtuais e cita três casos de postagens nas redes sociais que resultaram em linchamentos de proporções bastante sérias, mas nos mostram as consequências de atos muitas vezes engraçados para algumas pessoas e que não verdade são extremamente repugnantes e desrespeitosos.

‘Não pego Aids, sou branca’

A relações públicas Justine Sacco estava embarcando em um voo para a África do Sul quando tuitou o seguinte: "Indo para a África.

Espero não pegar Aids. Brincadeira! Sou branca.". A publicação resultou em mais de 100 mil mensagens de repúdio e na demissão de Justine.

Justine disse não pegar Aids por ser branca, obviamente uma brincadeira, não falou sério. Pelo fato de ser uma brincadeira, que tem como objetivo fazer alguém rir, o comentário de Justine não pode ser menosprezado como banal, pois põe um grupo grande de pessoas como inferiores fisicamente, naturalmente e moralmente, devido ao fato de que os "os brancos não pegam Aids".

O que se faz para pegar Aids? Sexo promíscuo [VIDEO]. Se os brancos não pegam é porque, diferente dos negros, eles não são imorais. Tal insinuação é uma grande humilhação para a raça negra ,branca, parda, cinza com roxo etc. Uma humilhação tremenda para a raça humana.

Justine colheu o fruto que plantou, racista!

‘Mate um nordestino afogado’

Em 2010 [VIDEO], Mayara Petruso publicou os seguintes comentários: "Nordestino não é gente, faça um favor a SP, mate um nordestino afogado!".

Devido à repercussão, Mayara foi demitida, abandonou a faculdade e foi condenada por incitação à violência.

Não é necessário que se argumente contra o que ela disse, mas pense como se fosse um nordestino lendo isso.

Vítima da Maratona de Boston

Em 2013, Alicia Ann Lynch, de 22 anos, postou uma foto de uma fantasia de Halloween. A fantasia era de "vítima do atentado de Boston". Isso resultou no vazamento de informações pessoais de Alicia.

O atentado de Boston deixou três mortos e cerca de 264 feridos. Qual a graça na morte e no possível trauma de todas essas pessoas? O desrespeito e o deboche de Alicia para com as famílias das vítimas mostram que, para muitas pessoas, o importante é fazer idiotas rirem para sair por cima. Alicia deveria usar como fantasia de Halloween a cara limpa. Seria uma ótima fantasia de bruxa.

Os três casos citados mostram a frieza de muita gente que tenta "pagar de engraçado(a)" na internet, mas colheram o fruto que pagaram. Existem limites para tudo, quem não respeita sofre de uma forma ou de outra.