Patrícia chamou Wagner e Kaysar para dançarem na tarde deste sábado (17), no Big Brother Brasil 18, ao som de Crazy In Love, da famosa cantora Beyoncé. Porém, mesmo com a música elevada, a maioria preferiu continuar dormindo.

Aos poucos Patrícia está começando a se soltar dentro da casa. Afinal, de amigo neste momento somente Diego, que está do seu lado sempre. Por isso, a estratégia de tentar achar novas pessoas para ficarem ao seu lado será fundamental para que dê certo seu plano.

Kaysar já até conversou com Diego e Patrícia nessa última semana. Porém, ainda é cedo para avaliar em qual lado o sírio está. Por isso, Patrícia tem a necessidade de conquistar ao menos mais pessoas para que futuramente não seja indicada de forma avassaladora como ocorreu com sua amiga, Ana Paula.

Wagner, apesar de entrar na brincadeira, sabe que ficar na dele neste momento é melhor do que entrar em intrigas ou qualquer coisa que venha a estragar seus planos, mas, para que a funcionária pública ficasse alegre, resolveu entrar na onda.

Perspectivas de jogo

No atual momento de jogo, Patrícia necessita ser criativa para que fique o máximo de tempo possível sem ir para o paredão, porque, dependendo de quem for para a berlinda, a funcionária pública dança. Diego e Patrícia formam aquele grupo que não é odiado nem amado por parte do púbico. Entretanto, caso os dois continuem dentro do jogo, poderão ser a pedra no sapato que nenhum participante considerado forte poderia contar.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
BBB Big Brother Brasil Televisão

Todo cuidado é pouco.

O momento de Patrícia pode ser considerado instável, pois, a partir do momento em que a família Lima continuar líder, não terá grandes ameaças. O tempo de conversas com seu melhor amigo Diego é bastante curto. Buscar alternativas que melhorem seu desempenho dentro da casa é fundamental para que continue no páreo até o fim.

Ana Paula, a última eliminada, era até então a mais forte dos três, mas não suportou a pressão do público e dos demais confinados e saiu com rejeição recorde de quase 90% dos votos computados.

Patrícia tem que ter em mente que é preciso se abrir. Porém, sabe que não será nada fácil conquistar o público e tampouco os participantes fortes desta edição, como Paula (com quem já teve uma certa rusga), os próprios dançarinos Kaysar e Wagner e possivelmente Lucas.

A funcionária pública terá que rebolar para encontrar uma maneira que seja revolucionária para que ganhe confiança suficiente dos demais e deixe a imagem de leva e traz, como muitos pensam dela.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo