Já não é mais novidade o fato de que o aumento da violência, intolerância, corrupção e indignação vem ocorrendo com maior frequência a cada dia. Listar os efeitos colaterais dessas ocorrências diárias não seria possível devido à quantidade de fatos e relatos disponíveis de variadas formas.

As últimas notícias que nos foram fornecidas por curiosos, pesquisadores, profissionais devidamente formados, treinados e dotados de grande competência é de que o mundo em um todo está com excesso de futilidade e uma considerável carência da paz.

Psicólogos atestam que até mesmo as crianças estão sentindo-se sufocadas por estas enchentes de ocorrências trágicas e deprimentes. Uma análise geral das perdas e danos originados das causas em que todas as pessoas se encontram nas circunstâncias em que se triplicam as suas preocupações e ansiedades cotidianas é difícil encontrar uma descrição contrária ao de que, por toda a Terra, está havendo uma espécie de metamorfose emocional, na qual, consequentemente, faz com que corações quebrantados e espíritos contritos entrem em extinção e o mundo fique como que em coma, repleto de sentimentos egocêntricos que só resultam em devassidão.

Mas será que existem ainda como paralisar esse mau destrutivo e oportunista que anda desestruturando famílias inteiras e oprimindo toda a sociedade?

Ao longo das eras á resposta mais producente tem sido a de que o homem é literalmente o que pensar ser, e o seu caráter seria a soma total de todos os seus desejos e pensamentos. Ao chegarmos nesta definição de valores e possíveis recursos para se neutralizar os males, podemos entender que a mente precisa de disciplina, precisamos habituá-la a ser usada de forma a proporcionar resultados positivos.

Não seria tolice crer que a mente seja a chave que libera os poderes para qualquer espécie de necessidade. No entanto, é preciso que aprendamos a discipliná-la e fazer com que se conserve centralizada somente em pontos positivos, não permitindo que quaisquer tipo de interferência negativas venham dominá-la.

Estudiosos encontram em registros o comprovante de que as pessoas que disciplinam suas mentes a ponto de manter-se focados num determinado problema por um espaço considerável de tempo conseguem obter discernimento e descobertas significativas.

Uma das provas incontestáveis da veracidade destes fatos, são os surgimentos dos grandes inventores.

Um dos fatores fundamentais que não podem ser ignorados é de que se concentrarmos toda a energia do nosso intelecto no sentido de resolver um problema ou qualquer espécie de assunto, obteremos um absoluto controle sobre a nossa mente, de forma que poderemos fazer descobertas incríveis e não mais sermos inclinados a culpar os outros ou circunstâncias por nosso fracasso ou insatisfações.

Uma conclusão irrelevante de todos os estudiosos é de que muitas pessoas perdem a direção e propósito por não conseguirem definir claramente em seu intelecto o que deseja realizar em sua vida e, então, treinar sua mente a focalizar-se em resultados satisfatório. É indispensável entendermos que os nossos pensamentos são responsáveis pelos resultados de todas as nossas ações, quer sejam espontâneas ou premeditados.

Então, podemos e devemos positivamente alterar o nosso padrão de pensamentos e tornarmos arquiteto de nosso destino.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo