Recentemente, na história da humanidade, as pessoas vêm alimentando uma necessidade de estarem sempre inteiradas, a respeito das celebridades, desde os tapetes vermelhos do Oscar, até as revistas de supermercados, pois mesmo quem assiste poucos filmes, ou novelas, sempre acaba dando uma olhada, tamanha é a fixação pela Fama.

Toda pessoa sempre admira alguém

Psicanalistas acreditam que um dos fatores de um grande número de pessoas estarem voltadas às pessoas famosas, são para copiá-las socialmente, ou em questão de moda.

Na verdade, as Celebridades, não são criações do mundo contemporâneo. Os humanos são criaturas sociais, que vivendo em sociedade, sempre dão atenção para quem está no topo.

Mesmo em sociedades menos modernas, onde os bens materiais são mais escassos, existe uma certa hierarquia de status, pois os primatas também mantêm o olhar, para os indivíduos dominantes do grupo.

Segundo a psicanalista Janne Kruger, existem também duas razões diferentes para que muitas pessoas, se mantenham voltadas para as celebridades:

Primeira: aprenderem o que as pessoas de status fazem, e assim imitá-las, tentando se tornar uma delas.

Segunda: um fator basicamente político, pois sabendo o que acontece nesse grupo, facilita sua navegação social.

Saber se determinado ator, e sua ex estão bem, isso jamais implicará na vida dos fãs, mas existe uma tendência social muito enraizada, levando estes a se preocuparem.

Psicanalistas também acreditam que há o cultivo pela obsessão por celebridades, estimuladas por apresentadores, que mantêm uma conexão entre estas e o público.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Famosos

O psicólogo Léonard Fischoff afirma que muitas pessoas que não conseguem interagirem com as outras têm em seus ídolos, uma prótese psicológica, isto é, seus ídolos substituem um relacionamento social com dificuldades.

Vez ou outra, encontra-se uma pessoa tímida, fechada em seu mundo, curtindo seus ídolos apenas.

Léonard Fischot também afirma que existem algumas pessoas que atingem o ponto patológico do fanatismo, acreditando terem uma relação estreita com a celebridade, tomando isso tão seriamente, que alegam serem capazes de uma ilegitimidade pelo seu ídolo.

Muitos foram os casos de tentativas contra seus ídolos, e até mesmo de morte, pelos fanáticos, como o caso de John Lennon e a tentativa de assassinato contra Ana Hickmann.

A personalidade de um ídolo pode influenciar demais na identidade de um fã, onde muitos chegam aderir a tudo, até mesmo ao seus vícios.

Entretanto, existem pessoas saudáveis, que curtem suas celebridades de maneira tranquila, pois destas depende o sucesso do ídolo querido.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo