Todo início de ano não tem jeito. As redes sociais são invadidas por amantes e haters do reality show mais bem sucedido do Brasil; Big Brother Brasil. No entanto, o programa da Rede Globo torna-se ainda mais comentado no decorrer do que é conhecido como "jogo", quando o vencedor leva para casa um prêmio milionário.

Quando se fala em jogo, consequentemente se fala também em jogadores. Mas qual seria a definição correta para um jogador?

O indivíduo que usa da melhor maneira possível as ferramentas que possui para alcançar seus objetivos? Pode ser. Nesse cenário, o objetivo maior no BBB seria passar por provas e paredões até chegar a sonhada final e fazer parte do seleto grupo de milionários da nossa sociedade.

No caso do BBB18, chama a atenção Diego, Paraense de 31 anos de idade e com uma vida acadêmica bastante desenvolvida. Diego é considerado por muitos outros participantes e telespectadores como um excelente jogador.

O mesmo sempre pensa de maneira extremamente estratégica a respeito do jogo e surpreende em provas que exigem boa memória e raciocínio lógico. Porém, todo esse destaque também atrai pontos negativos para Diego, que, ao que tudo indica, será eliminado do BBB18 nesta terça-feira (20), de acordo com diversas enquetes disponíveis na rede.

Seria, de fato, Diego um bom jogador? Se um bom jogador usa da melhor maneira as ferramentas para alcançar seus objetivos no jogo em questão, e se no BBB o maior objetivo é faturar o prêmio oferecido pelo programa, um bom jogador não deveria estar mais próximo do prêmio?

Isso, definitivamente, não acontece com Diego. Seus adversários no jogo estão mais próximos de levar a bolada para casa do que ele.

Assim sendo, chega-se à conclusão de que, talvez, o maior jogador de qualquer edição do BBB seja quem, de fato, ganha o programa, quem de fato conquista o público. Quem não conquista o público e é eliminado não fez o melhor jogo. Não, Diego talvez não seja o maior jogador desta edição.

Com este artigo, não pretende-se defender o paraense - que é rejeitado no próprio Pará - ou qualquer outro jogador dessa edição, mas apenas tem-se como intuito convidar os telespectadores do programa a refletirem sobre a definição do adjetivo "jogador", que muitas vezes pode ser encarado como algo negativo, o que, definitivamente, não é. Precisamos lembrar do ditado "quem está na chuva é pra se molhar".

Portanto, quem está no BBB é pra jogar. Certo ou não.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo