Você já parou para pensar a quantidade de informações disponíveis sobre sua vida nas redes sociais? O tipo de informação que você posta ou compartilha e o quanto elas revelam sobre seu carácter e sua personalidade?

Pois bem, saiba que estas informações podem estar contribuindo para que você não deixe de ser mais um entre os milhões de desempregados no Brasil.

Segundos o site G1, em dados obtidos pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) o Desemprego atingiu em Janeiro de 2018, mais de 12,7 milhões de pessoas do Brasil e, apesar de não se ter notícias oficiais de dados mais atuais, os brasileiros sentem na pele que esse número pode ser bem maior.

Rede Social x Privacidade

Com a crescente popularidade das mais diversas redes sociais disponíveis atualmente, que prometem interações em tempo real entre as pessoas, é comum que a vida dos adeptos estejam disponíveis a qualquer pessoa pela simples busca do nome ou e-mail.

Cientes disso, empregadores e recrutadores já vem utilizando estas ferramentas como um meio de conhecer um pouco (ou muito) mais dos candidatos que buscam uma recolocação no mercado de trabalho.

Especialista da área de Recursos Humanos alertam que as redes sociais vem se tornando um importante instrumento de avaliação do candidato e podem, em alguma casos, desclassificar o candidato antes mesmo de serem chamados a entrevista.

Cuidado com sua Timeline

É fato que alguma as principais plataformas disponibilizam recursos para preservar, até certo ponto, a privacidade de seus usuários, mesmo que sejam facilmente rompidas, por amizades em comum ou postagens que não reservam essa medida de privacidade, mas a grande maioria da pessoas desconhecem ou até mesmo não se atentam a esses recursos.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Vagas

Por isso, antes de publicar aquela live da balada ou aquela foto segurando bebidas com amigos no Stories e até mesmo as alfinetadas nos comentários dos portais de notícias, é bom parar e se perguntar:

Essa informação ou opinião pode trazer algum prejuízo?

Um pesquisa feita com 300 profissionais de RH do OfficeTeam, aponta alguns comportamentos que merecem atenção, desde coisas simples como conexões e interesses peculiares, até fotos de refeições, selfies em festas e as formas que comentamos os portais de notícias.

E sempre levar em conta que, é normal se divertir e curtir com os amigos, mas que quando lhe for perguntado quais seus Hobbies favoritos, que o candidato não caia no erro de dizer que é uma pessoa família, que cultua bons livros e prefere ficar em casa e ver uma boa séries, ao sair para a balada com a galera, quando uma simples rolagem na Timeline revela toda a verdade sobre seus, lugares frequentados, amizades, interesses, opiniões políticas, esporte e muito mais.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo